'Gatoeiras' serão espalhadas pelo aeroporto de Brasília para tentar capturar gato fujão

Maria Fernanda Ribeiro

Especial para o UOL Notícias
Em Campinas (SP)

Gatoeiras serão espalhadas pelo aeroporto internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília, para tentar capturar o gato do pesquisador Maicon Saul Faria, 29 anos, de Campinas, que está desaparecido desde segunda-feira (25).

Esquilo, como o felino é chamado, fugiu da gaiola no momento em que estava sendo transportado pela equipe que faz o traslado da bagagem da companhia aérea Gol. Faria voava de Palmas (TO) para Campinas e o voo fez conexão em Brasília.

Uma entidade de protetores independentes de animais, a Augusto Abrigo, de Brasília, está auxiliando nas buscas. Eles estão com Faria no aeroporto desde hoje e também disponibilizaram duas gatoeiras. Uma terceira foi comprada pelo dono do animal.

Eles aguardam agora resposta da Infraero para que os protetores possam entrar na área onde o gato fugiu. “Trouxemos gatoeiras e alimentos que servem como chamariz para gatos. Somos especializados em captura de animal”, disse Angélica Bessa, membro da Augusto Abrigo.

Segundo o pesquisador, ele viu o momento que Esquilo fugiu da gaiola. Ele diz acreditar que o gato tenha ficado estressado durante a troca de bagagem e conseguiu romper o lacre.

O gato correu pela pista do aeroporto e desapareceu pela grade que dá acesso ao estacionamento. “Esse gato é muito importante para mim.” A Infraero – responsável pelo aeroporto – permitiu que Faria entrasse na pista para procurar o animal.

O fato ocorreu por volta das 17h da segunda-feira, e Faria ficou 36 horas sem dormir em busca do gato fujão. Cartazes foram espalhados pelo aeroporto e agora ele tentar distribuir gatoeiras na tentativa de capturar Esquilo.

A Infraero também realizou buscas pelas áreas mais remotas. “Vou ficar aqui até encontrar o Esquilo.” O animal de estimação é malhado nas cores cinza e preto e tem o rabo amputado, pois sofreu um acidente.

Em nota à imprensa, A Gol Linhas Aéreas informou que está mobilizada para levantar os detalhes sobre o ocorrido e tomar as devidas providências. Segundo pesquisador, a empresa também providenciou hotel e alimentação.

Veja fotos de animais desaparecidos
Veja Álbum de fotos

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos