Topo

São Paulo concentra maiores densidades demográficas do país; menores estão no Amazonas

Gabriel Souza Elias<br>Do UOL Notícias

Em São Paulo

2011-04-29T10:00:00

29/04/2011 10h00

De acordo com os números divulgados nesta sexta-feira (29) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) do Censo 2010, o Estado de São Paulo aparece com seis municípios na lista das dez maiores densidades demográficas do país. Mas é de São João de Meriti (Rio de Janeiro) o maior índice encontrado pelos pesquisadores. Conhecido como “formigueiro das Américas” por também ter a maior densidade da América Latina, o município apresentou, no atual levantamento, número superior a 13 mil habitantes/km² -- o índice médio do Brasil é de 22,43 hab/km².

Os municípios paulistas de Diadema, Taboão da Serra, Carapicuíba e Osasco, todos na região metropolitana da capital, nesta ordem, completam o quadro das cinco maiores densidades demográficas do país, todas com mais de 10 mil habitantes/km². Entre as dez maiores, ainda figuram São Caetano do Sul (6ª, com 9.708,79 hab/km²), e a capital São Paulo (10ª, com 7.387,69 hab/km²). Olinda (PE, 6ª), Nilópolis (RJ, 7ª) e Fortaleza (CE, 8ª) completam a lista.

MAIOR DENSIDADE DO PAÍS

  • 13.024,56 hab/km²

    é o número registrado em São João de Meriti (RJ), conhecida como "formigueiro das Américas"

    Na parte inferior da tabela está o Amazonas. Com 7.326 habitantes e área total de 55.791,9 km², o município de Japurá possui a menor densidade demográfica do país: índice de 0,13 habitante/km². No Paraná, a cidade homônima registra 51,75 habitantes/km², e fica com o 4.175º posto na lista crescente.

    Outras seis cidades do Amazonas figuram na lista dos dez menores índices calculados pelo IBGE: Atalaia do Norte (2ª), Barcelos (3ª), Tapauá (4ª), Jutaí (6ª), Santa Isabel do Rio Negro (9ª) e Itamarati (10ª), todas com números próximos de 0,3 habitantes/km².

    MENOR DENSIDADE DO PAÍS

    • 0,13 hab/km²

      é o índice apurado em Japurá (AM)

      A explicação para os baixos índices no Estado está na área total avaliada pelos pesquisadores. O cálculo é feito em cima de toda a extensão territorial do Amazonas, incluindo rios e florestas.

      Os municípios de Mateiros (TO), na quinta colocação, Jacareacanga (PA), sétimo colocado, e Rondolândia (MT), oitavo, completam a listagem dos menos povoados com base nos dados do IBGE.

       

      Mais Cotidiano