Empresário desaparece após festa no interior de São Paulo; família recorre às redes sociais

Ellen Lima

Do UOL, em São José do Rio Preto (SP)

A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de São José do Rio Preto (438 km de São Paulo) investiga desde essa segunda-feira (2) o desaparecimento do empresário Demival Vasques Filho, 30 anos, que foi visto pela última vez no sábado (30) após passar por uma festa na noite anterior. A família deflagrou uma campanha na rede social Facebook para encontrá-lo.

Campanha na rede busca localizar Demival

  • Reprodução

    Irmã do empresário postou fotos de Demival no Facebook

Na noite de sexta-feira (29), Demival participou de um churrasco com amigos para comemorar seu aniversário e saiu do local às 2 horas da madrugada. Em seguida, teria passado o resto da noite na residência de amigos, de onde partiu por volta de 11h da manhã de domingo (1º), com seu Golf prata, dizendo que almoçaria com os pais.

O último contato do empresário com a família foi ainda na madrugada de sexta-feira, quando ele ligou para a noiva, à 1h40, avisando que estava no churrasco. Ele mora com a noiva, mas não retornou para casa. O celular também deixou de atender às chamadas.

Onde fica S.J. do Rio Preto

  • Arte UOL

    S.J. do Rio Preto está a 438 km de São Paulo

A irmã, Débora Vasques, diz estar desesperada com a falta de notícias e que já considera o desaparecimento como caso de sequestro. A polícia descarta a hipótese, pois, até o momento, não houve pedido de resgate.

O delegado José Augusto Fernandes, que investiga o caso, tomou depoimento da pessoa da casa onde Demival passou a noite e de familiares. Segundo informações dos amigos que estavam no churrasco, o empresário é tranquilo e bebeu pouco naquele dia.

Ele estava de calça jeans preta, camiseta com propaganda do festival Rio Preto Rock Festival e sapatênis.

Investigação

O carro do empresário foi flagrado atravessando a Ponte da Amizade, na fronteira entre o Brasil e o Paraguai no domingo (1º) pelas câmeras de segurança. O delegado José Augusto Fernandes, que investiga o caso, confirmou a informação à imprensa hoje.

Segundo ele, a Polícia Federal e a polícia do Paraguai estão avisadas do caso. "O carro dele foi filmado atravessando a Ponte da Amizade. Ainda não sabemos se era ele quem estava dirigindo o veículo ou se era alguma outra pessoa. Informamos os policiais para tentar encontrar o carro", afirma o delegado.

Nenhuma hipótese sobre o desaparecimento ainda está descartada, apesar de o delegado ter adiantado que latrocínio e sequestro seriam as causas menos prováveis do desaparecimento. "Todas as hipóteses estão sendo investigadas. Não temos nada de concreto ainda, mas estamos analisando tudo", informou o delegado.

Veja também: pai procura filho há 27 anos
Veja Álbum de fotos

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos