Topo

Aeronave que derrapou em Congonhas não tem previsão de ser retirada; piloto segue internado

Técnicos analisam local onde avião caiu após derrapar na pista do Aeroporto de Congonhas, em São Paulo - Mister Shadow/Estadão Conteúdo
Técnicos analisam local onde avião caiu após derrapar na pista do Aeroporto de Congonhas, em São Paulo Imagem: Mister Shadow/Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

12/11/2012 08h58Atualizada em 12/11/2012 09h13

O avião de pequeno porte derrapou da pista do Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, e caiu em terreno ao lado do aeroporto, na avenida dos Bandeirantes, na tarde deste domingo, ainda não foi retirado do local do acidente.

Segundo a assessoria do aeroporto, a polícia e agentes do Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) ainda estão no local fazendo a perícia da aeronave, um jato da companhia Tropic Air Táxi Aéreo --modelo Cessna Citation e de prefixo PRMRG.

O jato saiu de Florianópolis, em Santa Catarina, com dois tripulantes e um passageiro, e pousou em São Paulo às 17h20. Devido ao acidente, o aeroporto ficou fechado por 20 minutos.

O copiloto Rafael Ferreira, 21, e a passageira, Elaine Damaceno Rodrigues Gaail, 37, que estavam a bordo da aeronave tiveram ferimentos leves.

O piloto, Michel Rumpf Gaail, 66,  teve traumatismo craniano e está internado no hospital Santa Paula. Segundo um comunicado divulgado no domingo pelo hospital, ele sofreu lesão no tórax e coluna lombar e deve ser submetido a uma intervenção neurocirúrgica.

Mais Cotidiano