Topo

Chacina no Rio foi motivada por dívida, diz polícia; irmãos são procurados

Thiago Lontra/Extra/O Globo
A chacina na estrada Intendente Magalhães, Vila Valqueire , na cidade do Rio, deixou quatro pessoas mortas Imagem: Thiago Lontra/Extra/O Globo

Julia Affonso

Do UOL, no Rio

2013-04-15T15:48:37

15/04/2013 15h48

A Divisão de Homicídios da Polícia do Rio de Janeiro informou na manhã desta segunda-feira (15) que procura os irmãos Bruno Guimarães dos Santos, 32, e Marcelo Guimarães dos Santos, 44, acusados de terem participado de uma chacina em uma concessionária de carros em Vila Valqueire, zona oeste da capital fluminense, no sábado (13). Contra eles há dois mandados de prisão temporária, e ambos são considerados foragidos.

Segundo investigações da DH, a chacina foi motivada por uma dívida. Uma mulher, que havia dado uma entrada de R$ 2 mil para a compra de um carro em dezembro, não recebeu o veículo e foi à loja cobrar a devolução do dinheiro pago.

Após discussão com o gerente da concessionária, que disse não ter a quantia para devolver a ela, a mulher e mais cinco pessoas seguiram para outra loja, onde iriam comprar um novo carro. No local, na mesma rua, três homens armados chegaram em um carro preto e atiraram contra o grupo.

O gerente da loja, que discutiu com a vítima momentos antes do crime, Milton Maciel dos Santos Filhos, é irmão dos foragidos e foi preso pela polícia na manhã de domingo (14). Em depoimento, ele confessou a participação nos assassinatos.  O carro utilizado pelos criminosos para chegar ao local era roubado e foi encontrado pelos agentes na rua Francisco Vidal, em Pilares, zona norte, parcialmente queimado.

As vítimas Pablo Gama da Silva, Douglas Santos da Silva e Willians de Souza Pereira morreram no local. Tailor Vinicius Pires da Silva foi encaminhado para o Hospital Carlos Chagas, em Marechal Hermes, zona norte da cidade, mas não resistiu aos ferimentos.

Mais Cotidiano