PUBLICIDADE
Topo

Linha Amarela começa a ser liberada para o trânsito no Rio

Hanrrikson de Andrade

Do UOL, no Rio

28/01/2014 16h46

Duas faixas da Linha Amarela, no sentido Barra da Tijuca, foram liberadas às 16h30 para o fluxo de veículos, após a retirada de parte da passarela que desabou na manhã desta terça-feira (28).

Vídeo mostra momento que carreta atinge passarela no Rio

Uma faixa da via permanece interditada para a remoção do restante da passarela. A pista sentido Centro continua interditada. Operários da Prefeitura do Rio de Janeiro trabalham para a liberação total da Linha Amarela.

Segundo a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos, os técnicos priorizaram a pista sentido Barra da Tijuca em razão do intenso fluxo de veículos no horário do rush. "O pior já passou", comentou um dos funcionários da subprefeitura da zona norte do Rio. Não há previsão para que o restante dos trabalhos seja encerrado.

A via estava totalmente bloqueada desde 9h15 quando um caminhão que trafegava com a caçamba levantada atingiu a passarela. O acidente matou quatro pessoas e deixou cinco feridos no trecho entre os acessos 4 e 5, no bairro de Pilares, na zona norte.

Os quatro mortos são os motoristas de um táxi e de um Palio prata (atingidos pela estrutura) e dois pedestres que atravessavam a passarela no momento da colisão. As vítimas foram identificadas pelos bombeiros como Célia Maria, 64; Adriano P. Oliveira, 26; Renato P. Soares, 62; e Alexandre G. Almeida. O pai de uma das vítimas estava na janela de casa no momento do acidente e viu o filho morrer.

Em decorrência do acidente na Linha Amarela, a SuperVia informa que monitora a movimentação de passageiros na volta para casa nesta terça-feira e oferecerá viagem extra para o ramal Belford Roxo, com partida da Central do Brasil, às 18h25.

Horário proibido

O prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB), afirmou em entrevista à "Globonews" que o caminhão não deveria estar circulando pela via no horário do acidente. A Lamsa, concessionária responsável pela Linha Amarela, informou que o caminhão que causou o acidente ficou apenas dois minutos na via antes de se chocar com a passarela.

Veja onde fica o local da queda da passarela

  • Arte/UOL

Cotidiano