Jornalista desaparecido é encontrado morto em Porto Feliz

Eduardo Schiavoni

Do UOL, em Americana (SP)

  • Reprodução/Facebook

    5.mar.2014 - O corpo do jornalista Celso Mazzieri foi localizado em um canavial na cidade de Porto Feliz nesta quarta-feira (5). Ele estava desaparecido desde sábado (28)

    5.mar.2014 - O corpo do jornalista Celso Mazzieri foi localizado em um canavial na cidade de Porto Feliz nesta quarta-feira (5). Ele estava desaparecido desde sábado (28)

A Polícia Civil de Porto Feliz confirmou que o corpo do jornalista Celso Mazzieri, 45, desaparecido desde a madrugada de sábado (1), foi encontrado no começo da tarde desta quarta-feira (5) na cidade, no interior de São Paulo. O corpo de Mazzieri foi localizado por delegados da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Sorocaba, depois que o carro do jornalista foi localizado em um canavial.

Segundo a polícia, três adolescentes que estavam na companhia do jornalista no dia de seu desaparecimento confessaram ter matado Mazzieri. Um deles, de acordo com a família, seria namorado do jornalista. As autoridades já trabalhavam com a hipótese de crime passional. Uma coletiva de imprensa, marcada para as 16h30, deve dar mais detalhes sobre o caso. Mazzieri era assessor de imprensa da modelo e apresentadora Nani Venâncio.

De acordo com a polícia, o veículo do jornalista, cuja placa havia sido sido adulterada, foi encontrado depois de uma denúncia anônima. Mazzieri foi encontrado com as mãos amarradas. A causa provável da morte, segundo a polícia, foi enforcamento, mas a confirmação será feita apenas após o exame do corpo. Os locais onde o corpo e o carro foram encontrados também vão passar por perícia.

O caso
Segundo informações divulgadas pela polícia, a família de Celso Mazzieri informou que ele saiu de São Paulo na noite de sexta-feira (28), com destino a Porto Feliz. Ele deveria regressar à capital paulista no dia seguinte, em companhia de um amigo, mas não voltou. Mazzieri foi visto na companhia de três menores em Porto Feliz.

As autoridades identificaram os e interrogaram os três menores, mas afirmaram desconhecer o paradeiro do jornalista. À polícia, eles disseram ter conhecido Mazzieri a quem chamaram para uma festa em Sorocaba. O profissional disse que não queria ir, mas que poderia deixá-los na festa. Na versão dos menores, Mazzieri foi até o local e os deixou lá, se comprometendo a buscá-los mais tarde.

Nani Venâncio fala sobre jornalista desaparecido

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos