Topo

Ladrões roubam relíquias da igreja mais antiga em PE

Reprodução/Internet
Fachada da Igreja Matriz dos Santos Cosme e Damião, localizada no município de Igarassu, no Pernambuco. Construída em 1535 e tombada pelo Iphan, é a mais antiga igreja em funcionamento no Brasil Imagem: Reprodução/Internet

Do UOL, em Maceió

07/03/2014 09h15

A igreja mais antiga do Brasil em funcionamento no país, em Igarassu (Região Metropolitana do Recife), foi arrombada e teve objetos tombados pelo Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) roubados.

O roubo à Igreja Matriz dos Santos Cosme e Damião, construída em de 1535, aconteceu durante a terça-feira de Carnaval (4), mas só foi informado nesta sexta-feira (7) pela Polícia Federal (PF), em Pernambuco. A investigação aponta a possibilidade de que as peças tenham sido furtadas para serem repassadas a colecionadores de relíquias e antiguidades.

  • Naveta roubada da Igreja Matriz dos Santos Cosme e Damião, em Igarassu

Foram roubados dois objetos de prata: uma naveta –que é uma lâmpada para depósito de incenso-- e uma colher. A PF informou que a ação durou duas horas e foi praticada por três pessoas.

Um dos homens pulou o muro e seguiu até os fundos da igreja, onde amarrou uma corda em uma árvore para servir de suporte para que os outros dois integrantes do grupo entrassem na igreja.

Depois de cortarem a energia elétrica, os três tiveram acesso ao templo da igreja abrindo um buraco no altar central. Na sala de sacristia, eles arrombaram gavetas e armários, em busca dos dízimos e do dinheiro arrecadado de turistas, mas não encontraram qualquer quantia. O baú onde as relíquias estavam guardadas foi violado e as peças levadas.
A PF informou que as câmeras da igreja estavam desativadas. Imagens de um estabelecimento vizinho serão solicitadas para ajudar no inquérito aberto para investigar o caso.