Topo

PMs dizem que comida com larvas é servida em Batalhão de Choque no Rio

Maria Luísa de Melo

Do UOL, no Rio

2014-06-18T11:15:09

18/06/2014 11h15

Um vídeo gravado há três semanas por um policial militar lotado no Batalhão de Choque do Rio de Janeiro e disponibilizado para o UOL nesta quarta-feira (18) mostra um prato de comida repleto de larvas vivas que foi servido no refeitório da unidade. A cena, segundo o PM que fez as imagens, está longe de ser novidade entre os agentes. Segundo ele, os policiais recebem frequentemente almoço e lanche estragados nos batalhões da Polícia Militar do Rio.

"Essa não foi a primeira vez que isso aconteceu. Sempre vêm larvas. Principalmente nas saladas de alface, porque as folhas são mal lavadas", conta. "Além de a nossa alimentação ser preparada sem nenhuma higiene, não é uma comida saudável. Na maioria dos batalhões, o feijão é carregado no sal. Todos servem carne de porco bem gordurosa. E o rancho [lugar onde a comida é servida e preparada] é cheio de baratas."

Ainda de acordo com o cabo, que pediu para não ser identificado, os lanches servidos aos PMs em grandes eventos, como os jogos da Copa do Mundo, também têm alimentos deteriorados e com bichos.

O lanche vem com dois sanduíches --um feito de pão com queijo e outro com presunto--, além de uma maçã, uma caixinha de suco, água, uma barra de cereal, oito biscoitos e um pequeno bolo de chocolate.

"Estamos cansados de maçã com bicho, pão com presunto verde e água quente. É uma total falta de respeito. E, para fugirmos da comida estragada, muitas vezes preferimos comer na rua com o nosso próprio dinheiro”, reclama. “O problema é que nem sempre temos dinheiro para ficar comendo por nossa conta."

Procurada, a assessoria de imprensa da Polícia Militar do Rio informou que a corporação não recebeu queixa de policiais sobre a qualidade da comida servida. Além disso, a PM informou que tem uma Comissão de Controle Sanitário que faz visitas periódicas aos ranchos. E, no caso do Batalhão de Choque, há até uma nutricionista à disposição.

Mais Cotidiano