Topo

PM prende mais de 100 pessoas em 'festa do crime' em São Luís

A prisão ocorreu após denúncia de moradores, que informaram sobre a festa após ouvirem disparos de armas de fogo - Divulgação/PM
A prisão ocorreu após denúncia de moradores, que informaram sobre a festa após ouvirem disparos de armas de fogo Imagem: Divulgação/PM

Carlos Madeiro

Do UOL, em Maceió

12/12/2014 02h40

Uma grande operação da Polícia Militar do Maranhão prendeu na noite desta quinta-feira (11) mais de cem pessoas que participavam de uma festa na Vila Lobão, em São Luís. Elas são suspeitas de tráfico de drogas e de integrarem uma facção criminosa que atua nos presídios e nas ruas da capital maranhense.

Segundo o Centro Integrado de Operações de Segurança do Maranhão, foram detidos para averiguação 89 homens e 35 mulheres, que terão suas fichas criminais analisadas por agentes da polícia.

A prisão ocorreu após denúncia de moradores, que informaram sobre a festa após ouvirem disparos de armas de fogo. Com os suspeitos foram apreendidas armas e drogas, em quantidade não informadas.

O grupo foi levado em um ônibus para a Seic (Superintendência Especial de Investigação Criminal), da Polícia Civil. Os suspeitos começaram a ser ouvidos pela polícia ainda na madrugada desta sexta-feira (12). 

Segundo informações da "TV Mirante", no momento em que foram surpreendidos pela polícia, os suspeitos estariam na festa comemorando a morte de militares.

No último domingo, dois policiais militares foram assassinados em São Luís. Sebastião Luis Rocha Neto, 26, foi morto durante troca de tiros com criminosos no bairro Desterro. O sargento Carlos Magno Correa de Sá, 42, foi morto durante ação contra suspeitos no bairro da Forquilha.

Mais Cotidiano