PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Homem morre eletrocutado após queda de árvore durante chuva em SP

Árvore caída na rua onde motorista morreu eletrocutado durante a tarde desta quarta (25) - Eduardo Knapp/Folhapress
Árvore caída na rua onde motorista morreu eletrocutado durante a tarde desta quarta (25) Imagem: Eduardo Knapp/Folhapress

Do UOL, em São Paulo

25/02/2015 16h54Atualizada em 25/02/2015 19h31

Um homem morreu eletrocutado durante a chuva da tarde desta quarta-feira (25) na rua Tupi, em Higienópolis, na região central de São Paulo. Ele levou um choque ao deixar seu carro quando uma árvore caiu sobre os fios de rede elétrica. Em virtude deste caso, a concessionária AES Eletropaulo desligou o fornecimento de energia de mil clientes na região.

A forte chuva deixou a cidade toda em estado de atenção. Os bairros do Ipiranga, na zona sul, e de Vila Prudente e Mooca, na zona leste, além da Sé, na região central, entraram em estado de alerta.

Choveu granizo em bairros das zonas leste e oeste da cidade. O córrego da Mooca transbordou na altura da avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, na Vila Prudente. O rio Tamanduateí transbordou na altura do viaduto Pacheco Chaves, no bairro do Ipiranga, e também na região central. Carros foram arrastados pela correnteza nessas regiões.

Partes de bairros como Água Rasa, na zona leste, e Alto de Pinheiros, na zona oeste, ficaram sem luz. A AES Eletropaulo afirmou que "alagamentos no centro da cidade, na zona leste e no ABC dificultam o deslocamento das equipes da concessionária". A empresa informou que, após o rompimento de um cabo na avenida Anhaia Melo, desligou a energia de "8 mil clientes por medida de segurança". "Equipes tentam chegar à região, que está alagada, para fazer os reparos na rede e restabelecer a energia".

Os trens circulam com velocidade reduzida nas linhas do Metrô. As linhas 7-rubi e 10-turquesa da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) estão paralisadas por causa de alagamentos nos trilhos.

Cotidiano