Rigor na inspeção de embarques faz um em cada dez voos atrasar em Congonhas

Do UOL, em São Paulo*

  • MArco Ambrosio/ Framephoto/ Estadão Conteúdo


Um em cada dez voos com partida programada sofreu atraso no aeroporto de Congonhas, em São Paulo, na manhã desta segunda-feira (18). Dos 106 voos previstos, onze atrasaram. O problema tem relação com a nova norma da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) para tornar mais rigorosa a fiscalização de bagagens dos passageiros.

O novo sistema de inspeção para voos domésticos provocou filas e lentidão no aeroporto da zona sul de São Paulo. Com a demora para o embarque, alguns voos sofreram atraso.

A fila para entrar na área do raio X chegou até o saguão do aeroporto no andar de baixo. Internautas em uma rede social afirmaram que a demora durou até duas horas. A região do check-in também ficou lotada de passageiros. O fluxo foi mais intenso das 6 horas até as 9 horas.

Em outros aeroportos do país, a mudança na fiscalização teve um impacto bem mais baixo na programação dos voos. A média de voos atrasados na manhã de hoje ficou em 4%, de acordo com a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária).

O que muda

A Anac determinou que, a partir desta segunda-feira, todo passageiro de voo doméstico, incluindo crianças, pode passar por revista física feita por um agente do mesmo sexo. O exame pode ser feito de forma aleatória em local público ou reservado, a critério do passageiro e de agentes, e com a presença de uma testemunha. Se o passageiro se recusar, o embarque poderá ser proibido.

Além disso, notebooks e outros dispositivos eletrônicos devem obrigatoriamente ser tirados de malas e mochilas. Bagagens de mão também podem ser abertas e inspecionadas no momento da passagem pela máquina de raio X.

Antecedência

A recomendação da Abear (Associação Brasileira das Empresas Aéreas), que representa as companhias aéreas Avianca Brasil, Azul, Gol e Latam, é de que os passageiros se apresentem para fazer o check-in no aeroporto pelo menos uma hora e meia antes do horário de decolagem - antes a orientação era de uma hora de antecedência.

Em nota, a associação ressalta que "os procedimentos de embarque para voos internacionais seguem inalterados em relação aos praticados atualmente, e a antecedência recomendada de apresentação para o check-in é de três horas contadas do momento da saída do voo".

*Com Estadão Conteúdo

Rigor em revista de aeroportos aumenta

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos