Polícia apreende acusado de queimar 1º ônibus da série de ataques no RN

Aliny Gama

Colaboração para o UOL, em Maceió

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte apreendeu, nesta terça-feira (2), um adolescente acusado de atear fogo no primeiro ônibus da série de ataques criminosos que vêm ocorrendo no Estado desde a última sexta-feira (29). O jovem foi encontrado em um imóvel no distrito de Mangabeira, em Macaíba, região metropolitana de Natal. Até agora, 68 pessoas foram presas ou apreendidas acusadas de participação nos atentados.

Pelo menos 27 ônibus e micro-ônibus foram incendiados no Estado entre a última sexta-feira (29) e hoje. Os atentados criminosos tiveram início um dia depois que bloqueadores de sinal de celulares foram instalados no PEP (Presídio Estadual de Parnamirim), localizado na região metropolitana de Natal.

Segundo a polícia, a descoberta ocorreu após uma denúncia anônima de que um homem estava queimado e tratando os ferimentos em casa por ter se acidentado durante o ataque criminoso ao micro-ônibus na RN-304, em Macaíba.

Durante a apreensão, o adolescente confessou à polícia que foi ele quem ateou fogo no veículo e que se queimou porque o vasilhame com gasolina explodiu nas mãos dele. O jovem está com o rosto, braços, mão direita e pés queimados. Ele não reagiu à apreensão.

O motorista do micro-ônibus ficou ferido no ataque. Ele teve o rosto e os braços queimados, mas já recebeu alta da Unidade de Pronto-Atendimento de Macaíba, para onde foi socorrido.

Também foi preso hoje um homem apontado como um dos líderes da facção criminosa Sindicato do Crime do RN, acusada de ordenar os atentados no Estado. Daniel Silva Carvalho, 29, cumpria pena no regime semiaberto no RN e foi preso usando uma tornozeleira eletrônica.

Na noite de ontem, o governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSB), afirmou que os principais líderes da facção criminosa que ordenou os ataques foram identificados e cinco deles transferidos para presídios federais. Nos próximos dias, ainda serão transferidos outros 20 acusados de participar da articulação dos ataques.

Segundo o último boletim da Sesed (Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social), divulgado às 10h35 desta terça, foram registradas ao menos 80 ocorrências relativas a ataques criminosos, sendo 46 incêndios, 19 tentativas de incêndios, sete ataques com disparos de arma de fogo contra prédios públicos e proximidades, quatro atentados envolvendo artefatos explosivos e três depredações.

As ocorrências foram registradas em pelo menos 30 cidades: Natal, Parnamirim, Macaíba, São José de Mipibu, Caicó, Currais Novos, Caiçara do Norte, Santa Cruz, Mossoró, João Câmara, Jardim de Piranhas, Assu, Tangará, São Gonçalo do Amarante, Touros, Maxaranguape, São Paulo do Potengi, Goianinha, Florânia, São José de Campestre, Canguaretama, Cruzeta, São Vicente, Tenente Laurentino, Jardim do Seridó, Pedro Avelino, Montanhas, Lagoa Nova, São Tomé e Pendências.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos