Aeroportos pelo Brasil

Uber e desconto em apps de táxi ficam indisponíveis em aeroportos do Rio

Hanrrikson de Andrade

Do UOL, no Rio

  • Angelo Antonio Duarte

    Fila de taxistas esperando por passageiros no Galeão

    Fila de taxistas esperando por passageiros no Galeão

A carioca Cristal Dias, 26, é uma das usuárias de aplicativos de transporte como Uber e Easy Táxi que diz ter ficado impossibilitada de usar esses serviços depois de desembarcar no Aeroporto Internacional Tom Jobim, o Galeão, neste domingo (25), na zona norte carioca.

Cristal e o namorado, que retornavam de Brasília, tentaram por várias vezes utilizar os dois apps, sem sucesso. A solução encontrada pelo casal foi encarar a fila do táxi comum, assim como outros usuários que enfrentavam o mesmo problema, na versão dela.

"Eu comecei a pedir ainda dentro do avião. Tentamos pelo Uber e pelo Easy Táxi, e a mensagem de retorno dizia que não havia cobertura. Isso ocorreu por volta das 20h30. Acho que os motoristas do Uber estavam evitando a região. No Easy, até chegou a aparecer o mapinha com o radar [que indica a busca por motoristas próximos], mas no fim aparecia uma mensagem indicando área indisponível. Nunca tinha visto isso, foi a primeira vez que enfrentamos esse problema no aeroporto", relatou.

Cristal disse ainda que, depois do fracasso na tentativa de usar os apps, foi abordada por um motorista de táxi no saguão do aeroporto. Ele ofereceu uma corrida "no tiro", isto é, com o valor previamente acertado. "Ele queria me cobrar R$ 75 até o Grajaú e ainda argumentou que outros motoristas estavam cobrando R$ 95", declarou ela.

O casal acabou optando por esperar um pouco mais, e a tática deu certo. "Demos sorte porque, logo depois, apareceu um taxista que se dispôs a cobrar no taxímetro. Pagamos um valor justo: R$ 55", afirmou Cristal.

A carioca Julia Filippo também teve problemas para conseguir um carro depois de desembarcar no Santos Dumont, na região central da cidade, no fim de semana anterior. Usuária do Uber, ela diz ter feito várias tentativas de requisitar o serviço ainda no terminal do aeroporto.

Como não obteve êxito, ela caminhou até o shopping recém-inaugurado ao lado do Santos Dumont, onde há uma loja física do Uber.

"Estava voltando de São Paulo e só consegui um carro depois de andar até o lounge do Uber. O serviço vem caindo muito", reclamou ela.

A reportagem do UOL também esteve nos dois aeroportos na tarde de domingo e não conseguiu utilizar os aplicativos de transporte. No caso do 99Táxis e do Easy Taxi, as corridas até estavam disponíveis, mas sem o desconto de 30% no valor.

O UOL entrou em contato com os aplicativos, que negaram falhas de cobertura durante os fins de semana.

Por meio de sua assessoria de imprensa, o Uber informou não ter identificado erros no sistema. Explicou ainda que não há operação nos terminais do Galeão, e por isso não é possível solicitar o serviço no aeroporto internacional da cidade. Os usuários eventualmente prejudicados podem enviar relatos por meio do aplicativo, de acordo com a empresa.

Já o Easy Táxi informou que há um crescimento da demanda nesta época do ano, principalmente em cidades como o Rio, "e acaba sendo um pouco mais difícil conseguir um táxi".

"A equipe de relacionamento da Easy até enviou um e-mail aos passageiros comunicando o fato", informou a assessoria de comunicação do app, por e-mail.

A 99Táxis, por sua vez, informou que o aplicativo está funcionando normalmente na cidade, "inclusive no atendimento a corridas solicitadas nos aeroportos cariocas". "Registramos casos de demora no atendimento de solicitações de corridas no feriado de Natal causados pelo aumento da demanda de passageiros e pela redução do número de motoristas ativos, o que ocorre historicamente neste tipo de data."

Procurados pela reportagem, os aeroportos Santos Dumont e Galeão informaram que não há qualquer tipo de restrição ao funcionamento de apps de transporte. 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos