No mês de aniversário de SP, passeios a pé celebram povos que constroem a cidade

Do UOL, em São Paulo

  • Zanone Fraissat/ Folhapress

    De acordo com os organizadores, mais de 20 mil pessoas já participaram das mais de 400 edições dos passeios culturais e históricos realizados no Centro de São Paulo

    De acordo com os organizadores, mais de 20 mil pessoas já participaram das mais de 400 edições dos passeios culturais e históricos realizados no Centro de São Paulo

Toda cidade é um museu a céu aberto e passear a pé é uma boa forma de conhecê-la. Mas você pode passar e repassar por um lugar e não saber sua história. Em São Paulo, um projeto promove caminhadas para desvendar os mistérios do Centro e conta com uma programação especial para este mês de janeiro. O objetivo é homenagear e contar a história da presença de povos fundamentais para a formação da capital paulista, que completa 463 anos no dia 25.

Criado há onze anos pelo empresário Carlos Beutel, o projeto "Caminhada Noturna pelo Centro" promove quatro passeios temáticos neste mês, sempre às quintas, às 20h. Depois da homenagem aos italianos na semana passada, é a vez da caminhada "O Bom Retiro dos coreanos" nesta quinta-feira (12).

Para acompanhar Bruno Kim, responsável por guiar os caminhantes, basta aparecer em frente ao Theatro Municipal, na praça Ramos de Azevedo, às 20h. Não é necessário fazer inscrição para participar das caminhadas, e os passeios são sempre gratuitos e duram cerca de duas horas.

Situado na parte norte do Centro, o Bom Retiro era conhecido pela presença judaica, mas passou a abrigar imigrantes sul-coreanos no século 20.

No dia 19, será a vez do passeio "A Liberdade". Cecília Oka, Decio Sunagawa, Eli Hayasaka, Norma Shizue Haru e Tony Sadahito mostrarão os caminhos e as histórias dos japoneses pelo bairro.

Em 26 de janeiro, um dia depois do aniversário de São Paulo, o jornalista e escritor Abílio Ferreira comandará a caminhada "Território negros na cidade de São Paulo". Dentro do projeto das caminhadas noturnas, Ferreira já guiou passeios para apresentar a trajetória de negros que marcaram a história da cidade, como o advogado, escritor e jornalista Luís Gama.

A homenagem a povos presentes na cidade continuará em fevereiro. Os árabes serão o tema da primeira caminhada do mês que vem, cuja programação completa ainda não foi divulgada.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos