Noivo e primos morrem em acidente na volta da despedida de solteiro no RJ

Demétrio Vecchioli

Colaboração para o UOL

  • Reprodução/Facebook

    Fabrício, Fernando, Gustavo e Leandro antes do acidente de carro

    Fabrício, Fernando, Gustavo e Leandro antes do acidente de carro

O que era para ser a despedida de solteiro acabou se tornando uma tragédia na madrugada de domingo, no Rio. Quatro primos voltavam de uma festa na Lapa quando o carro em que eles estavam bateu e capotou diversas vezes. Três pessoas morreram, incluindo o noivo, Gustavo Aragão Mesquita, de 28 anos, funcionário do Detran. O único sobrevivente é Fabrício Aragão Fontes, da mesma idade.

O acidente ocorreu na Avenida Presidente Vargas, no centro do Rio, por volta das 3h da madrugada de domingo, na altura da Universidade Estádio de Sá. De acordo com relatos, o carro, um Ford Fusion, bateu contra um Nissan Sendra e, em seguida, se chocou contra o acesso a uma passarela, que segue interditada. O veículo capotou diversas vezes e ficou completamente destruído, sem teto.

Gustavo e os primos Fernando, de 29 anos, e Leandro, de 24, irmãos entre si, morreram no local, após serem atirados do carro. Fabrício foi  levado ao Hospital Municipal Souza Aguiar com um ferimento no braço. De acordo com um familiar, que não quis se identificar, ele seria o único a estar usando cinto de segurança.

Os três estão sendo velados no Cemitério da Vila Rosali, em São João de Meriti, onde moravam. O enterro será  na tarde desta segunda-feira. O motorista do outro carro envolvido no acidente não se feriu.

A polícia civil está investigando as causas do acidente, inclusive os relatos de que o carro estaria em alta velocidade. Um laudo deve ser divulgado daqui a cerca de 15 dias.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos