Briga em jogo de bocha deixa 4 mortos no interior do RS

Lucas Azevedo

Colaboração para o UOL, em Porto Alegre

  • Reprodução/Prefeitura de Candelária

O que era para ser uma confraternização terminou em tragédia, na noite deste domingo (7), no interior do Rio Grande do Sul. Quatro homens foram mortos depois de um desentendimento durante uma partida de bocha. Os crimes ocorreram na comunidade de São José, na localidade de Arroio Lindo, no município de Candelária (184 km de Porto Alegre), no Vale do Rio Pardo, cidade com cerca de 31,5 mil habitantes. Um suspeito foi preso.

O desentendimento teria ocorrido na cancha de bocha da comunidade. Segundo a Polícia Civil, uma discussão entre dois homens durante o jogo levou a uma briga generalizada. As identidades dos mortos, que têm entre 30 e 39 anos, não foram informadas. 
  
Conforme o delegado Rodrigo da Silveira, um suspeito de participar do crime foi preso. Outros dois são procurados. Em depoimento, Dari Rodrigues, 38, reiterou que o motivo da discussão foi o jogo. Ele foi preso em flagrante com uma espingarda.
  
"O preso refere que tudo começou com um desentendimento em razão do jogo de bocha", contou o delegado. De acordo com o policial, foram registrados "múltiplos disparos de arma de fogo e de golpes de arma branca".
  
Segundo policiais que atenderam a ocorrência, um dos corpos estava na entrada do salão da comunidade, um no gramado e dois na cancha de bocha. No local, foram encontradas cápsulas de calibre 38 e 20, além de armas brancas.
  
A polícia segue à procura de outros dois envolvidos, que foram identificados por testemunhas. A reportagem do UOL tentou contatar o defensor do preso, mas, até o final da manhã de hoje, não havia identificado o advogado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos