Topo

Alerj autoriza Rio a contratar empréstimos de até R$ 3 bi para pagar fornecedores

FÁBIO MOTTA/ESTADÃO CONTEÚDO
Plenário da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro Imagem: FÁBIO MOTTA/ESTADÃO CONTEÚDO

Do UOL, no Rio

15/05/2018 18h00

A Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) aprovou nesta terça-feira (15) um projeto de lei que autoriza o governo fluminense a contratar empréstimos, até o valor total de R$ 3,05 bilhões, para pagar dívidas com fornecedores. A medida foi aprovada por 37 votos a 20.

A possibilidade de empréstimo estava prevista no Regime de Recuperação Fiscal assinado pelo Estado do Rio de Janeiro com o governo federal no ano passado. O projeto agora segue para a sanção do governador Luiz Fernando Pezão (MDB).

As dívidas serão pagas na forma de "leilão reverso" --as empresas que apresentarem maior desconto serão beneficiadas.

O texto recebeu 44 emendas de parlamentares. Os empréstimos poderão ser contraídos junto a bancos nacionais e internacionais e terão garantia da União.