Duas mulheres ficam feridas em desabamento do mezanino de padaria na Vila Madalena, em SP

Janaina Garcia

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Facebook

    A parte de cima do estabelecimento, localizado na Vila Madalena, desabou e deixou duas pessoas feridas

    A parte de cima do estabelecimento, localizado na Vila Madalena, desabou e deixou duas pessoas feridas

Duas pessoas ficaram feridas na tarde desta sexta-feira (31) no desabamento de parte de uma panificadora de luxo no bairro da Vila Madalena, zona oeste de são Paulo. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o mezanino do estabelecimento, que funciona na rua Wizard, veio abaixo às 12h10. Ambas as vítimas ficaram feridas sem gravidade.

A panificadora é a Le Pain Quotidien, pertencente a uma rede com sede em Nova York e que conta com outras seis unidades em áreas nobres da capital paulista.

Uma cliente de 40 anos, ferida nos braços e com dores na nuca, foi levada ao hospital da Beneficência Portuguesa. Outra, de 29 anos, sofreu uma contusão nas costas e foi encaminhada ao pronto-socorro do hospital Nove de Julho.

Ao todo, oito viaturas dos bombeiros foram deslocadas para o atendimento. Às 14h20, segundo a assessoria de imprensa da corporação, três equipes permaneciam no local, que não corre risco de novos desabamentos.

Em nota divulgada no fim do dia, a Le  Pain  Quotidien disse lamentar o ocorrido na unidade da Vila Madalena e informou que "está adotando todas as providências cabíveis para esclarecer e solucionar o incidente".

"Dois clientes tiveram leves ferimentos, mas já foram atendidos e receberão todo auxílio necessário. A casa possui alvará e deve retornar as atividades em alguns dias", finalizou o comunicado.

No Twitter, pessoas que se identificaram como frequentadoras da panificadora relataram o incidente.

"Nem meio-dia e já desabou o teto da padaria em que eu estava trabalhando. Parei de tremer pra tuitar que ver as pessoas sendo esmagadas e gritando dos escombros talvez seja a pior cena de toda a minha vida. Rezem por elas", escreveu uma usuária.

"Caiu o teto lá no primeiro andar, o de cima, do lado direito. Pegou quem tava sentando embaixo, quem tava na escada etc. algumas pessoas saíram quando tiraram a parte maior, mas teve gente que ficou lá 'soterrada' aguardando socorro", completou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos