PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Carga de propulsor de avião avaliada em R$ 41 milhões é recuperada em SP

Polícia Civil recupera carga de peças de avião roubadas em SP - Divulgação/Polícia Civil
Polícia Civil recupera carga de peças de avião roubadas em SP Imagem: Divulgação/Polícia Civil

Guilherme Mazieiro

do UOL, em São Paulo

28/11/2018 20h08Atualizada em 29/11/2018 10h34

Policiais do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) recuperaram uma carga de propulsores a jato de uma companhia aérea, avaliada em cerca de R$ 41 milhões. O material foi recuperado nesta quarta-feira (28), na região metropolitana de São Paulo. Ninguém foi preso.

A polícia informou que os ladrões abandonaram a carga depois de perceberem que seria difícil revender o material roubado. Entre os equipamentos havia uma turbina que é utilizada para equipar jatos.

A carga tinha sido roubada na manhã desta quarta-feira (28), na rodovia Fernão Dias, em Mairiporã, e foi abandonado pelos criminosos poucos quilômetros distante do local do crime, segundo a Polícia Civil. Após o roubo, o motorista acionou a Polícia Civil, e a equipe da 2ª Divecar (Delegacia de Investigações sobre Roubo de Carga) começou a procurar pelo caminhão. Os propulsores foram encontrados intactos.

O carregamento de equipamentos aeronáuticos era transportado para o Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, de onde seria enviado a uma empresa no Texas (EUA).

Segundo dados da SSP-SP (Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo), este ano, até setembro, foram registrados 1.789 roubos de carga na região metropolitana de São Paulo. O número está abaixo dos 2.066 registrados no mesmo período do ano passado.

A Divecar informou que levanta informações para tentar identificar os autores do crime.

Cotidiano