PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

SP: Marginal Tietê é interditada devido a pontos alagamento

Do UOL, em São Paulo*

30/11/2018 23h59Atualizada em 01/12/2018 09h49

Trechos da pista expressa da marginal Tietê, na capital paulista, amanheceram intransitáveis neste sábado (1º) devido a forte chuva que caiu durante a noite e madrugada. Um vídeo de um motorista postado no Twitter mostra alagamento nas proximidades da ponte da Vila Guilherme, na zona norte, no começo da manhã.

A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), por volta das 8h20, informou que há bloqueios na altura da Ponte Atílio Fontana, Ponte do Tatuapé, Ponte das Bandeiras, Ponte da Casa Verde, Ponte Presidente Dutra, Ponte Jornalista Walter Abrahão e próximo da saída para a Rodovia Castello Branco. A recomendação é para não acessar estas regiões.

No sentido Rodovia Ayrton Senna, o congestionamento começa na Ponte dos Bandeirantes e vai até a altura da Ponte das Bandeiras, onde há um alagamento intransitável. Já no sentido da Rodovia Castello Branco existe bloqueio nas pistas locais e expressas próximo à Ponte Aricanduva, com trânsito de 11 km.

Neste momento, a chuva é fraca na cidade, mas o volume que caiu desde a tarde de ontem até por volta das 4h de hoje deixou não apenas a marginal, mas várias ruas e avenidas alagadas em várias regiões, segundo relatos nas redes sociais.

O Corpo de Bombeiros informou que, da meia-noite às 07h foram registrados 13 chamados para quedas de árvores, 49 para enchentes e 13 para desabamentos e desmoronamentos na cidade.

A marginal Pinheiros e a via Anhanguera também estariam entre as vias com trechos afetados. Motoristas relatam que carros têm trafegado na contramão para desviar dos pontos mais críticos.

O funcionamento do Aeroporto de Congonhas foi afetado pelas fortes chuvas que atingiram a cidade de São Paulo. Segundo o site do aeroporto, até às 8h40, 12 voos foram cancelados.

Chuva acima da média

Segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), somente neste último dia do mês choveu em São Paulo o equivalente a 32,7% da média esperada para novembro, ou seja, 45,1 mm (média para toda a cidade). Alguns pontos, porém, extrapolaram essa porcentagem. No bairro de São Miguel Paulista, zona leste, choveu até meia-noite de ontem 98 mm; na Freguesia do Ó, zona norte, 92,5 mm; e na Penha, também na zona leste, 74 mm.

Dois córregos transbordaram e quatro estavam na iminência de extravasarem no final da noite. Parte da capital entrou em estado de alerta (grau máximo) para alagamentos e todo o restante da cidade esteve em estado de atenção, segundo boletim divulgado às 23h30 pelo CGE.

Os dois córregos que transbordaram foram o Ponte Rasa, no bairro da Penha, zona leste, e o Ipiranga, no sudeste da cidade. O rio Aricanduva, no bairro de mesmo nome, e o rio Verde, em Itaquera, além dos córregos Paciência, no Parque Edu Chaves, e Lageado, no Itaim Paulista, ficaram próximos de transbordar.

CGE recomenda evitar trecho alagados

A recomendação do CGE é de que motoristas evitem ruas alagadas, não se aventurando por correntezas. A indicação é que as pessoas procurem por lugares seguros e, se preciso, procurem ajuda.

Em caso de dúvida sobre vias bloqueadas, está disponível o telefone 1188, da central de atendimento da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), que também disponibiliza informações em seu site.

(*Com Estadão Conteúdo)

Cotidiano