Topo

Tragédia em Brumadinho


Número de mortos em Brumadinho sobe para 193; há 115 desaparecidos

Do UOL, em São Paulo

2019-03-08T08:34:17

08/03/2019 08h34

O número de mortos na tragédia de Brumadinho subiu para 193 na noite de ontem, segundo informou o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais. A corporação manteve seu efetivo atuando na região, inclusive durante o Carnaval, mas desde o dia 28 de fevereiro os números não haviam sido atualizados. Segundo o último balanço, ainda há 115 pessoas consideradas desaparecidas e outras 395 foram localizadas. 

Os bombeiros informaram ainda que há 162 casos de segmentos corpóreos que ainda estão pendentes de identificação, mas que eles podem se referir a pessoas que já foram identificadas. Ao todo, já foram recuperados 403 corpos e segmentos corpóreos durante toda a operação.

Todo o trabalho de identificação é feito com um corpo de legistas da Polícia Civil do estado. Devido ao estado de decomposição e situação em que foram encontrados, eles estão sendo identificados por testes de DNA, o que demanda mais tempo.

Ao todo 140 bombeiros trabalham na região, focados nas áreas drenadas da usina de ITM (Instalação de Tratamento de Minério),. Estão sendo usados drones e máquinas na busca dos corpos, além de cães farejadores. 

Os bombeiros atuam hoje em 20 frentes de trabalho, sendo três delas novas e feitas a pé. Elas se distribuem por todo o local atingido pela lama que vazou da barragem no dia 25 de janeiro. Há desde focos mais próximos do local do acidente até pontos mais afastados, nas imediações do rio Paraopeba, que fica a mais de 5 km da barragem que se rompeu.

3ª tragédia? Após Brumadinho, não há garantias sobre segurança de barragens

UOL Notícias

Mais Tragédia em Brumadinho