Topo

Prefeitura de Salvador quer proibir uso de sacos e canudos plásticos

Wikimedia Commons
Imagem: Wikimedia Commons

Do UOL, em São Paulo

22/08/2019 13h19

A prefeitura de Salvador pretende proibir o uso de sacolas e canudos plásticos descartáveis como forma de diminuir a emissão de carbono no meio ambiente. A medida, se aprovada, valerá para pequenos, médios e grandes comerciantes da cidade.

Segundo comunicado, o prefeito ACM Neto (DEM) enviará à Câmara de Vereadores na próxima semana dois projetos de lei sobre o tema. Cidades como Rio de Janeiro e São Paulo já aprovaram leis que vetam a utilização tanto de canudos como de sacolas.

"Essa é uma ação concreta de um conjunto de providências que vamos tomar dentro desse plano de mitigação, para que possamos neutralizar a emissão de carbono e tornar Salvador mais sustentável", disse o prefeito.

Segundo a prefeitura, a Associação Baiana de Supermercados (Abase) apoia a iniciativa. Em relação às sacolas, os empresários terão até um ano para se adequarem às restrições, enquanto que o prazo será de três meses em relação aos canudos plásticos.

Cotidiano