PUBLICIDADE
Topo

PF prende ex-subsecretário de saúde do RJ por descumprir acordo de delação

Do UOL, em São Paulo

16/01/2020 17h39

A Polícia Federal realizou na tarde de hoje a prisão preventiva de César Romero, ex-subsecretário de saúde do Estado do Rio de Janeiro, por descumprir acordo de colaboração premiada firmada com o MPF (Ministério Público Federal). Além da prisão, foi cumprido mandado de busca e apreensão no endereço profissional de Romero; os celulares e o computador dele foram encaminhados à perícia.

Segundo o MPF, Romero tinha viagem marcada para os Estados Unidos e embarcaria ainda hoje.

O ex-subsecretário firmou acordo de delação em março de 2017 com o braço da Lava Jato no Rio de Janeiro. As informações repassadas por ele levaram à deflagração da Operação Fratura Exposta, que mira esquemas de corrupção no sistema de saúde do estado.

A partir de informações obtidas por outro delator, o MPF alega ter recebido provas de que Romero teria violado o sigilo durante as tratativas do acordo por ter omitido das autoridades crimes praticados outros investigados; ainda, ele também teria negociado o recebimento de valores para não denunciar as ações.

O MPF, em nota, defende o rompimento do acordo e afirma se tratar de crime de obstrução de justiça.

Ouça o podcast Baixo Clero com análises políticas de blogueiros do UOL.

Os podcasts do UOL estão disponíveis no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas de áudio.

Política