PUBLICIDADE
Topo

Associação Comercial de SP apresentará na segunda plano para reabrir lojas

25.mar.2020 - Comércio fechado na região central de São Paulo por causa da pandemia do coronavírus - PAULO GUERETA/ESTADÃO CONTEÚDO
25.mar.2020 - Comércio fechado na região central de São Paulo por causa da pandemia do coronavírus Imagem: PAULO GUERETA/ESTADÃO CONTEÚDO

Do UOL, em São Paulo

28/05/2020 14h45Atualizada em 28/05/2020 15h25

O presidente da ACSP (Associação Comercial de São Paulo), Alfredo Cotait, afirmou hoje que parte do comércio na capital paulista deve ser reaberto até o final da próxima semana.

Hoje, o Prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), detalhou o plano para reabertura do comércio. A partir da próxima segunda-feira (1º), as entidades representativas do setor deverão enviar à prefeitura propostas com medidas de prevenção do contágio pelo novo coronavírus nesses estabelecimentos. A atividade só será retomada após a aprovação desse protocolo.

"Nós [ACSP] pretendemos, já na segunda-feira, apresentar uma proposta. Estamos avisando nossos comerciantes para se prepararem para reabertura até o final da semana que vem", afirmou Cotait em entrevista ao canal BandNews.

Segundo o executivo, a associação comercial está em conversa com a prefeitura para preparar a reabertura. A proposta em elaboração leva em consideração os protocolos definidos ontem pelo governo do estado.

Cotait disse ainda que a reabertura do comércio precisa ser feita o mais rápido possível porque o fechamento do setor por mais de dois meses na cidade causou um dano enorme, especialmente para os pequenos lojistas.

"A queda de renda foi brutal, vai causar uma recessão sem precedentes em nosso país. Precisamos ter a retomada para enxergarmos melhor quem sobreviveu. Na sequência, como consumo não vai voltar de uma vez, vamos ver quem vai conseguir sobreviver", declarou.

Coronavírus