PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês
Homem é preso por matar o pai de 73 anos a socos em Canoas (RS)

Júlia Viviane Kurtz

Colaboração para o UOL, em Aratiba (RS)

20/11/2020 12h33

Um homem de 34 anos foi preso na terça-feira (17) suspeito de ter matado o pai a socos. O crime ocorreu no dia 13 de outubro, em Canoas, região metropolitana de Porto Alegre (RS). A vítima, de 73 anos, foi socorrida e levada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no dia 25 de outubro.

No dia da agressão, os dois estavam em uma confraternização familiar na casa de outro filho da vítima. O suspeito, então, teria discutido com o irmão, o que fez com que pai e filho saíssem do local e fossem até a casa de um terceiro filho, onde continuaram a beber.

No fim do dia, a vítima ofereceu carona para o filho, deixando-o em casa. Em seguida, seguiria para Guaíba, onde mora. Em algum momento da viagem, perto das 19h, enquanto passavam pelo bairro Mathias Velho, em Canoas, os dois discutiram.

"No meio do caminho, eles discutiram, o pai parou o carro e ambos desceram. O filho caçula atacou o pai, que caiu no chão e bateu a cabeça", aponta o chefe de investigação da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Canoas, Daniel de Oliveira Pinha.

O pai foi levado ao Hospital de Pronto Socorro de Canoas, onde ficou internado até o dia 25 de outubro, quando morreu devido aos ferimentos.

A autoria do crime foi confirmada pela polícia através do depoimento de familiares e outras testemunhas e sua prisão ocorreu após o período eleitoral. Ele já possuía antecedentes criminais, acusado de tentar matar o próprio irmão.

Cotidiano