PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
6 meses

Idoso de 96 anos se ajoelha para tomar vacina contra covid-19: 'Agradecido'

Gesto de João Batista Moreira ao receber vacina viralizou entre moradores de Goiânia - Divulgação/Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia
Gesto de João Batista Moreira ao receber vacina viralizou entre moradores de Goiânia Imagem: Divulgação/Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia

Pedro Paulo Couto

Colaboração para o UOL, em Goiânia

10/03/2021 20h37Atualizada em 10/03/2021 21h50

João Batista Moreira, de 96 anos, chamou a atenção da internet ao se ajoelhar para receber a segunda dose da vacina contra a covid-19.

O aposentado compareceu ao posto improvisado em uma escola de Goiânia na manhã de hoje e explicou que o gesto foi uma forma de se mostrar agradecido pela imunização.

"Agora estou protegido contra a doença", afirmou.

A vacina aplicada no idoso foi a Coronavac, criada na China mas desenvolvida em parceria com o Instituto Butantan. Ela foi aplicada na Escola Municipal Bárbara de Sousa Morais, no Jardim Novo Mundo, uma das sete unidades de ensino que está funcionando como ponto de vacinação com o intuito de evitar aglomerações.

A imagem repercutiu ao longo do dia ao ser publicada em um perfil da Secretaria de Saúde de Goiânia.

A foto do idoso também foi postada pelos secretários de saúde da capital goiana e o de governo estadual, Andrey Azeredo, que fez questão de destacar a importância do ato.

"Que o gesto do seu João nos incentive a continuar tomando todos os cuidados. Que nos lembre de agradecer a Deus pelo dom da vida. E que nos fortaleça ao longo desta caminhada", escreveu.

Hoje, a Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia iniciou a aplicação da segunda dose da vacina contra a covid-19 em idosos a partir de 85 anos de idade. A ação acontecerá até amanhã em 10 postos de vacinação, sendo 7 escolas e 3 no formato drive-thru, conforme ordem alfabética. A expectativa é que 13 mil idosos recebam o imunizante.

Não é necessário agendamento, mas o idoso deve levar o comprovante de vacinação da primeira dose, além das cópias dos documentos pessoais (CPF e RG) e um comprovante de endereço.

Coronavírus