UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA
ASSINE OS BOLETINS:
DICAS DE PORTUGUÊS,
UOL VESTIBULAR E
UOL LIÇÃO DE CASA


Dicas de Português
Por Paulo Ramos

Vikings ou viquingues?

Estréia nesta sexta-feira um novo desenho animado de Asterix, personagem criado pelos franceses René Goscinny e Albert Uderzo. O título é "Asterix e os Vikings". A distribuidora do longa-metragem optou pela forma "viking", com "k". É isso mesmo? A resposta depende da fonte consultada.

O dicionário "Aurélio" (eletrônico) só registra a forma aportuguesada, "viquingue". A versão eletrônica do "Houaiss" apresenta duas escritas, "viking" e "viquingue". A versão impressa do mesmo dicionário, curiosamente, só apresenta o termo original.

O Vocabulário Ortográfico da Academia Brasileira de Letras também acusa as duas maneiras de escrita. O recente "Dicionário UNESP do Português Contemporâneo" só apresenta "viking".

Conclusão de tudo isso: nem sempre os dicionários apresentam uma grafia igual para uma mesma palavra. Temos aqui um caso assim.

O que fazer? Em princípio, as duas maneiras se tornam possíveis. Cabe ao redator a escolha de uma ou de outra. Só deve tomar dois cuidados. Primeiro: o título do desenho animado de Asterix é escrito com "k", forma que deve ser respeitada para se manter fiel ao nome original do filme. Segundo cuidado: evitar o uso das duas formas num mesmo texto, o que pode soar contraditório ao leitor.

Se a opinião valer, fique registrado que, pessoalmente, prefiro "viking".

Um abraço,
Paulo Ramos



Paulo Ramos é jornalista, professor e consultor de língua portuguesa do Grupo Folha-UOL.

E-mail: peramos@uol.com.br



PEGADINHAS
mais pegadinhas
Ditado de Palvras