UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA



21/11/2005 - 13h44
Internautas apontam falhas no site do Enem

Da Redação
Em São Paulo


Arte UOL
Os estudantes enfrentam
etapas burocráticas
para ver as notas
  • Veja aqui a sua nota

    O site do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) continua com falhas e instabilidade de acesso em seus servidores de Internet.

    Desde a manhã desta segunda-feira (21/11), quando as notas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio de 2005) foram recolocadas no ar, os participantes encontram dificuldades para ver o desempenho.

    "Isso está deixando milhoes de estudantes mais tensos. Estamos prestando vestibulares e dependemos dessa nota, e o Inep faz questão de brincar com os nossos nervos", disse o estudante Giordano Santos.

    "É ridículo. Há cinco dias que eu tento ver minha nota e não consigo", disse o estudante de São Paulo Fabiano Porto. "Não recebi o e-mail de confirmação da senha no sábado e, por isso, não pude completar o meu cadastro", disse Perivaldo Oliveira de Souza.

    Segundo a assessoria de imprensa do Inep, o site está instável por causa do grande número de acessos. Técnicos de informática do instituto disseram que a instabilidade deve diminuir à medida que o número de acessos ao site for distribuído ao longo do dia.

    A assessoria de imprensa do Inep informou ainda que as dificuldades estão no preenchimento dos dados. Muitos dos estudantes não conseguem concluir as etapas de preenchimento e verificação de dados.

    Como se cadastrar
    Na primeira página cadastral, o estudante deve optar entre informar o número do CPF ou o nome. Caso ele coloque as duas informações, o sistema acusará erro.

    Passada essa primeira fase, aparecerá uma tabela com o nome do participante. Ao clicar, ele verá seus dados cadastrais. É preciso verificar se estão corretos. Embaixo da página, há um botão para que o estudante crie sua senha.

    Nessa págiana da senha, o candidato deve preencher todos os seus dados novamente. As informações devem coincidir com as da ficha de inscrição. A senha será enviada ao e-mail do estudante para que ele possa consultar as notas no futuro.

    Os técnicos do Inep reconhecem que há muitas etapas até chegar a nota. Eles acreditam que esse procedimento é necessário para que o estudante possa ver seu desempenho a qualquer tempo.

    Histórico dos problemas
    Problemas nos servidores de Internet do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) atrasaram em dois dias a divulgação do resultado, inicialmente prevista para o último dia 16. No dia da divulgação, o Inep prorrogou o anúncio para as 17h de quinta e, somente depois de esgotado o prazo, admitiu problemas técnicos em seu site.

    As notas foram divulgadas na noite de sexta-feira (18), mas tiveram que ser retiradas do ar por causa de informações inconsistentes no bando de dados do Inep.

    Em mensagens de e-mail enviadas ao UOL, internautas relataram que o site do Inep dava como inválido o CPF do estudante, impossibilitando o acesso às notas. "Meu CPF é válido, mas não consegui fazer a consulta porque o Inep não reconhece o número", disse o internauta Romulo Costa.

    Outro internauta informou que o site do Inep remetia o participante para uma página onde havia apenas o número de inscrição e não a nota obtida no exame. "Ao clicar em 'consultar meu boletim do enem 2005', sou mandado para a pagina de consulta ao número de inscrição e não à nota, como deveria ser", disse Gustavo Haf.

    Os internautas Eduardo Granato e e Mariane Gennari relataram a mesma falha. "Não há nota nenhuma na Internet. Esse site (o do Inep) está fazendo a gente de palhaço", disse Mariane Gennari.

    "Dessa sexta-feira até o presente momento (15h57 de domingo), não consegui ver o meu boletim. Entro com meus dados no site do Inep, e o sistema diz que meu CPF não está cadastrado, ou que meu número de inscrição do está errado. Pior é que a minha irmã, que também prestou o Enem, não consegue ver a nota dela", disse Celso Ricardo de Souza.

    O Inep passou a ter problemas de acesso a seus servidores em virtude do crescimento de inscrições no Enem em 2005. O exame é requisito para a participação de estudantes carentes no Prouni (programa Universidade para Todos), lançado no ano passado para atender a estudantes carentes com bolsas de estudos em universidades não-públicas. Segundo o MEC ( Ministério da Educação), o aumento foi de 93% (2.998.083 inscrições) em relação à edição de 2004.

    Outras informações podem ser obtidas pelos telefones 0800-616161, 0/xx/61/2104-8203, 0/xx/61/2104-9090, 0/xx/61/2104-9166, 0/xx/61/2104-9046 e 0/xx/61/ 2104-9050 ou no site do Inep.

    Leia também:
  • Inep recoloca notas do Enem no ar, mas site continua instável