PUBLICIDADE
Topo

Abstenção no segundo turno é recorde e chegou a 29,47%, informa TSE

Antonio Temóteo e Felipe Amorim

Do UOL, em Brasília

29/11/2020 21h23

O percentual de brasileiros que deixou de votar no segundo turno das eleições municipais de 2020 chegou a 29,47%, informou hoje o presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), ministro Luís Roberto Barroso.

Segundo o magistrado, mais de 11 milhões de pessoas deixaram de ir às urnas, um recorde. No primeiro turno, o nível de abstenção chegou a 23,14%.

Veja os números abaixo:

  • Comparecimento: 26.610.978 (70,53%)
  • Abstenção: 11.116.373 (29,47%)
  • Brancos: 1.035.217 (3,89%)
  • Nulos: 2.344.085 (8,81%)

Barroso declarou que o nível de abstenção foi maior do que o desejável. Apesar disso, ele afirmou que esse resultado foi influenciado pela pandemia da covid-19, já que várias pessoas deixaram de votar com medo de serem infectadas pelo novo coronavírus.

"O nível de abstenção foi maior do que desejaríamos, mas realizamos as eleições no meio de uma pandemia. Quando o processo eleitoral começou a ser debatido, temia-se uma abstenção colossal", disse.

Segundo Barroso, havia um temor de que o nível de abstenção chegasse a 50% nas eleições municipais.

"A abstenção era um temor real, que todos nós sentíamos. Por isso fizemos um megaplano de segurança, uma campanha explicando as providências de segurança e todas as vezes convoquei as pessoas a votar", completou.

Você utiliza a Alexa? O UOL é o parceiro oficial da assistente de voz da Amazon, com boletins de notícias e dados atualizados das últimas pesquisas eleitorais e dos resultados do 2º turno. Para saber sobre a eleição na sua cidade com a credibilidade do UOL, pergunte: "Alexa, qual é o resultado da pesquisa eleitoral em São Paulo?", por exemplo, ou "Alexa, quem ganhou a eleição no Rio de Janeiro?". Nos encontramos lá!