UOL Notícias Empregos

05/09/2008 - 16h58

Concurso da PRF: MT tem 509 candidatos/vaga; no PA são 434

Da Redação
Em São Paulo


O Cespe (Centro de Seleção e de Promoção de Eventos) divulgou nesta sexta (5) a concorrência no concurso da PRF (Polícia Rodoviária Federal). Em Mato Grosso, são 74.318 candidatos para 146 vagas: 509,03 inscritos para cada posto em disputa. Para as 194 vagas do Pará, estão inscritos 84.363: 434,86 candidatos/vaga.

O número total de candidatos -- 158.681 -- já havia sido anunciado, junto com os locais de prova, na terça (2). O exame está marcado para o próximo dia 14, às 14h.

A seleção oferece 340 vagas no cargo de policial rodoviário federal (ensino médio). O salário inicial é de R$ 5.238,94.

A prova será realizada nas capitais dos Estados da região Norte e do Centro-Oeste, na cidade de Santarém (PA) e no Distrito Federal.

Decisão da Justiça
O exame foi suspenso em dezembro de 2007, dois dias antes da aplicação, por suspeita de fraude. Neste ano, a Polícia rescindiu o contrato com o NCE (Núcleo de Computação Eletrônica da Universidade Federal do Rio de Janeiro), então organizador do concurso, e repassou a execução para o Cespe. Estavam inscritos mais de 122 mil candidatos.

As inscrições para o concurso foram reabertas em 28 de julho e se encerraram em 13 de agosto, obedecendo à decisão da 2ª Vara Federal em Cuiabá (MT). A Justiça atendeu pedido do MPF (Ministério Público Federal), que, por meio de ação civil pública, identificou irregularidades na seleção.

No edital de abertura, a polícia pedia, como requisito para tomar posse do cargo, apresentação de certidão negativa de protesto de título em um período de cinco anos e teste de gravidez para as mulheres. Agora, a Polícia ainda pede certidões, mas não mais negativas.

Nova avaliação
As provas objetivas e de redação terão a duração de quatro horas e 30 minutos. Os exames, obedecendo ao primeiro edital, terão 80 questões de múltipla escolha.

A primeira fase do concurso público terá ainda exame de capacidade física, exames médicos e avaliação psicológica. A segunda fase será o curso de formação profissional.

É recomendável confirmar datas e horários para se prevenir de alterações posteriores à publicação deste texto. Outros dados podem ser obtidos no site da instituição organizadora, o Cespe.
Provas anteriores é melhor estratégia para treinar para concurso da PRF
Legislação e português valem mais pontos na prova da PRF
Senado aprova 3.000 cargos efetivos na PRF, com nível superior

Compartilhe:

    Encontre vagas de emprego na sua Área

    Concursos Previstos

    As mais lidas

    Hospedagem: UOL Host