UOL Notícias Empregos

08/03/2010 - 10h05

Mulheres trabalham mais e ganham menos que os homens, diz MTE

Da Redação
Em São Paulo

Segundo dados divulgados pelo MTE (Ministério do Trabalho e Emprego), as mulheres de todos os níveis de escolaridade ganham menos do que os homens com o mesmo grau de formação no mercado formal. Ainda que sejam mais qualificadas do que os homens, elas trabalham mais e são menos remuneradas.

 

Entre os analfabetos, a renda média mensal em 31 de dezembro de 2008 era de R$ 614,80 para os homens, enquanto para as mulheres trabalhadoras ficava em R$ 506,95.

 

Esse fenômeno se verifica entre os trabalhadores com formação em nível superior. A média salarial para esse grau de instrução, à época, era de R$ 3.461,82. No caso dos homens, essa renda subiria para R$ 4.623,98. Se o assalariado fosse mulher, o salário seria de R$ 2.656,47.

 

Além do trabalho fora de casa, as mulheres precisam se dedicar a atividades não remuneradas, como os afazeres domésticos. Segundo dados do IBGE referentes a 2007, as mulheres de 10 anos de idade ou mais se dedicavam 22,3 horas semanais aos afazeres domésticos contra 5,2 horas dos homens.


“Estamos muito longe de ter uma cultura em que marido e mulher cooperem com esses afazeres”, lamenta Neuma Aguiar, professora de sociologia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

 

Com informações da Agência Brasil

Compartilhe:

    Encontre vagas de emprego na sua Área

    Concursos Previstos

    As mais lidas

    Hospedagem: UOL Host