UOL Notícias Empregos

16/06/2010 - 14h49

Governo demitirá servidores públicos aprovados em concursos fraudados

Da *Redação
Em São Paulo

Os funcionários públicos federais que foram admitidos por concursos públicos fraudados vão ser demitidos, segundo informou hoje o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo.

Os seis primeiros foram identificados em uma operação da Polícia Federal que investiga fraudes nos concursos e a forma como elas são feitas.

O ministro foi procurado hoje pelo diretor-geral da PF, Luiz Fernando Corrêa, para relatar as irregularidades identificadas nas investigações e comunicar sobre a operação que está sendo feita.

Paulo Bernardo disse que o Ministério do Planejamento aguarda o fim das investigações para revisar as regras dos concursos. Segundo ele, não é admissível concurso público vulnerável, sujeito a fraude. O ministro informou que o governo acreditava que vinha agindo de maneira correta no que diz respeito aos concursos, mas as investigações estão mostrando que há falhas.

Pelas investigações, candidatos usaram aparelhos eletrônicos monitorados de fora do local onde faziam as provas, para obter as respostas das questões. E mesmo no curso de formação, existia assessoria externa, com pessoas passando informações.

Quanto às admissões com liminares, o ministro afirmou que a Justiça tem que rever os processos para evitar que um fraudador entre para a máquina pública.

*Com informações da Agência Brasil

Compartilhe:

    Encontre vagas de emprego na sua Área

    Concursos Previstos

    As mais lidas

    Hospedagem: UOL Host