UOL Notícias Empregos

16/11/2010 - 10h00

Saiba como divulgar o seu currículo pelo Twitter em apenas 140 caracteres

Danilo Schramm
Em São Paulo
  • Getty Images

    O candidato deve ficar atento, pois tudo que for postado em seu perfil no Twitter será avaliado.

 

Desde que o Twitter virou um sucesso entre os brasileiros, outros costumes vieram à tona. Se no microblog divulga-se todo tipo de informação num curto espaço, por que não divulgar também um currículo em 140 caracteres?

Segundo Marcelo Abrileri, presidente da Curriculum, quem procura emprego deve também se atualizar, e as redes sociais podem ser utilizadas como um complemento no processo de recolocação profissional.

“É importante que o currículo do candidato seja amplamente distribuído. Quanto mais for disseminado, maiores serão as chances deste profissional ser visto e recolocado”, conclui Marcelo.

Uma vez com o currículo hospedado na internet, o usuário pode fazer uma “chamada” no Twitter ou em outras redes sociais, e no final colocar um link que servirá para acessar o seu currículo completo.

Luiz Pagnez, diretor do Emprego Certo, diz que o Twitter pode ajudar, sim, em complementar o seu perfil. Manter um microblog com vários posts pertinentes à sua área de atuação ajudará o profissional a mostrar seus conhecimentos e interesses a possíveis recrutadores, mas “vender seu peixe” em tão pouco espaço não é tarefa fácil.

Segundo Luiz, não é necessário criar um perfil exclusivo para divulgar o currículo, pois dificilmente o candidato vai conseguir manter dois perfis - um para uso pessoal e outro para uso profissional.

“Não adianta criar um perfil e deixar apenas um link para seu currículo publicado. O profissional deve ter conteúdo e 'vender' seu conhecimento ao mercado, atraindo seguidores que estarão dando alguma credibilidade àquela fonte de informação. Dificilmente um perfil puramente de propaganda terá milhares de seguidores. Isto vale também para a autopromoção”, afirma Luiz.

Tweets

O candidato deve ficar atento, pois tudo que for postado em seu perfil no Twitter será avaliado. Informações erradas, levianas ou informais demais poderão passar a um possível recrutador uma impressão errada.

Dica

Existem sites que podem encurtar o tamanho do endereço de seu currículo na internet como o bit.ly e o TinyURL.


"Se a pessoa usar o Twitter apenas para postar piadas, por exemplo, poderá levar o recrutador a pensar que ele fará isso no novo trabalho e eliminá-lo do processo. É necessário ter cuidado com aquilo que escreve, com a foto e nome utilizados para que aspectos pessoais não prejudiquem o profissional, caso uma empresa leia o seu perfil”, aconselha Luiz.

Não dá para falar tudo em 140 caracteres, mas o importante aí é colocar o que tem maior destaque na formação e experiência para tentar chamar a atenção do recrutador. Isso despertará interesse  para que ele queira ver o histórico completo do profissional em seu currículo.

Palavras-chave

De acordo com Luiz, se o profissional estiver usando o microblog como uma vitrine profissional, naturalmente seus posts estarão cobrindo ao longo do tempo as principais palavras chaves da sua área de atuação.

“É muito importante colocar, na descrição do seu perfil, sua profissão e objetivos profissionais. Mas pensando em um tweet específico de venda do currículo, não há palavras chaves. O profissional precisa descrever suas principais qualificações e ser objetivo”, explica o diretor do Emprego Certo.

 

Exemplos de Tweets

Gerente de RH formado pela PUC, com grande experiência em empresa multinacional e inglês fluente busca recolocação http://bit.ly/ex_curric
Busco nova oportunidade profissional. 10 anos de experiência em recrutamento e seleção, com pós graduação em RH http://bit.ly/ex_curric
Em busca de novos desafios profissionais. Designer com especialização em Gestão de Projetos e 5 anos de experiência http://bit.ly/ex_curric

Encontre vagas de emprego na sua Área

Concursos Previstos

As mais lidas

Hospedagem: UOL Host