UOL Notícias Empregos

31/07/2009 - 13h30

Dúvida: Devo falar na entrevista que sou aposentada?

Tenho 50 anos e me aposentei aos 46 por tempo de contribuição. Até o final do ano passado, permaneci na empresa onde já trabalhava por 15 anos, sempre ocupando a função de assistente administrativo/secretária.

Agora, passados seis meses, estou tentanto voltar ao mercado de trabalho e até já consegui ser chamada para uma primeira entrevista individual (após passar pela dinâmica de grupo). Minha dúvida é: devo falar para o entrevistador que sou aposentada? Isso pode ser visto como positivo ou como negativo para minha recolocação? Se falo, penso que posso ser vista como "velha" para a vaga e, se não falo, fico como omissa ou mentirosa.


Hoje é bastante comum a volta dos aposentados ao mercado de trabalho. Muitas empresas, inclusive, valorizam o aposentado devido à experiência e à maturidade profissional. O mercado de trabalho já está quebrando alguns mitos relacionados à faixa etária e à aposentadoria, devido ao fenômeno do envelhecimento que acomete o país. A expectativa de vida aumentou e está demandando, por parte da sociedade, uma transformação. E uma delas refere-se ao mercado de trabalho versus aposentadoria. Sendo assim, é necessário que você também promova uma quebra de paradigmas e repense o mito da aposentadoria.

Em vez de velha, considere-se experiente. E valorize esse ponto em uma entrevista, relatando toda a sua experiência e maturidade profissional. O selecionador já deve imaginar sua condição devido à sua idade e à sua trajetória profissional. Sendo assim, se for uma questão relevante para a oportunidade, ele mesmo questionará se você já se aposentou ou não.

Se você foi chamada para a entrevista, signfica que o selecionador julgou que o seu perfil é adequado à oportunidade e isso inclui a questão da faixa etária. Muitas vezes, a empresa está buscando sim um profissional mais experiente e maduro e isso será o seu diferencial competitivo. Acredito que essa informação só deva ser passada se você for questionada a respeito.

Em vez de se preocupar com passar a informação sobre a sua aposentadoria, valorize os conhecimentos adquiridos ao longo de sua trajetória profissional, mostrando o diferencial que é ser uma profissional madura.

Mayra Fragiacomo, consultora de carreira da consultoria em recursos humanos Catho

Veja as respostas das outras perguntas escolhidas em julho:

  • Shinyashiki responde: Salário mais alto ou carreira melhor, a longo prazo?
  • Caldeira responde: Como abordar um trabalho voluntário no currículo?
  • Tenho experiência em outro campo, mas quero achar emprego na minha área de estudo
  • Pedi para ser demitida; o que digo na entrevista?
  • Trabalho sem registro há mais de um ano e meio; coloco isso no currículo?
  • Querem mudar meu cargo, isso é correto?
  • Compartilhe:

      Encontre vagas de emprego na sua Área

      Concursos Previstos

      As mais lidas

      Hospedagem: UOL Host