UOL Notícias Notícias
 

72. Ministro Carlos Minc (Meio Ambiente) emprega mulher na Câmara

Fernando Rodrigues
Colunista do UOL, Em Brasília
Para enviar e-mails para os personagens envolvidos, passe o mouse sobre o nome e clique para acessar o endereço eletronico de cada um.
Mais
Blog do Fernando
Poder e Política

Data de Divulgação

07.07.2009

O escândalo

Segundo o jornal O Globo (aqui), a deputada federal Cida Diogo (PT-RJ) contratou como funcionária de seu gabinete Maria Margarida Parente Galamba de Oliveira, mulher do ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, no dia 1º de abril de 2009.

Vinte dias antes, em 11 de março, Minc havia contratado para seu ministério Flávia Martins Marques, que trabalhava no gabinete de Cida. Margarida, conhecida como Guida, ocupou o lugar de Flávia, numa espécie de nepotismo cruzado. Minc e Cida são parceiros na política do Rio e fizeram dobradinha nas eleições de 2006.

A mulher do ministro não trabalha a semana toda e, segundo Cida, foi inserida para trabalhar na área ambiental. Guida foi contratada como secretária parlamentar com salário de R$ 4.020. Caso tenha direito a gratificação, o valor pode subir para R$ 8.040, excluídas as horas extras.

O que aconteceu?

Nada.

Acompanhe os escândalos

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,24
    3,734
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h19

    0,36
    94.393,07
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host