UOL Notícias Notícias
 

05/03/2010 - 12h35

Hospital de campanha brasileiro no Chile começa a funcionar hoje

Camila Campanerut
Do UOL Notícias
Em Brasília

Uma das principais ações de ajuda humanitária ao Chile após a série de terremotos que abalou o país vizinho, o hospital de campanha brasileiro (HCamp), começa a prestar atendimentos médicos às vítimas dos tremores na tarde desta sexta-feira (5). A estrutura está montada na periferia capital chilena, próximo ao Hospital Félix Bulnes, uma dos locais mais carentes de Santiago. 

Governo chileno descarta alerta de tsunami após dois novos tremores hoje

A unidade hospitalar tem 26 médicos da Marinha do Brasil e conta com duas UTIs; gerador; equipamentos para realização de exames; uma ambulância; mantimentos e água para um período de 30 dias, conforme informações oficiais. Para a construção dela, foram necessários seis vôos da aeronave “Hércules”, da FAB (Força Aérea Brasileira), para o transporte de material.

Os mesmos aviões cargueiros que partiam do Brasil para o Chile para levar a estrutura voltaram transportando brasileiros. Só nesta quinta-feira, 108 pessoas desembarcaram na Base Aérea do Galeão, no Rio de Janeiro. De acordo com a FAB, mais três aviões ajudaram a repatriar pelo menos mais 74 pessoas.

A primeira leva chegou em Brasília no dia 28 de fevereiro, com 12 pessoas, sendo três militares e nove civis. Na última terça-feira (2), o avião reserva da FAB, que acompanhava a aeronave do presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante visita ao Chile, deixou 30 brasileiros na base aérea de São Paulo, ao lado do aeroporto de Guarulhos.

Na última quinta-feira (4), outros 32 chegaram à base área do Rio de Janeiro. A Embaixada do Brasil no Chile é quem define e organiza a lista dos primeiros brasileiros que voltaram ao país, priorizando idosos, doentes e famílias com crianças.

No entanto, o número total de brasileiros repatriados é ainda maior, uma vez que outras pessoas voltaram de aviões fretados e comerciais. O aeroporto internacional de Santiago está gradativamente voltando a operar normalmente e continua funcionando 24h por dia.

Segundo o Ministério das Relações Exteriores, não há registro de brasileiros mortes nem feridos em decorrência dos abalos sísmicos dos últimos dias. Para obter informações referentes a cidadãos brasileiros no Chile, o Itamaraty reservou os seguintes telefones: (61) 3411 8804/ e 3411 8805, que atendem das 10 às 18h e (61) 8197.2284, com funcionamento entre as 18h e 10h.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,79
    3,152
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h22

    1,18
    65.148,35
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host