UOL Notícias Notícias
 

12/03/2010 - 17h22

Presidente chileno anuncia fundo de reconstrução após tremor

Do UOL Notícias*
Em São Paulo

O presidente chileno, Sebastián Piñera, anunciou nesta sexta-feira (12) a criação de um fundo de reconstrução após o terremoto de 27 de fevereiro, que se financiará com austeridade no gasto, fundos soberanos, futuros rendimentos do cobre e possíveis créditos externos.

"Vamos criar um fundo de reconstrução para financiar este plano de desenvolvimento. Este fundo vai se alimentar de muitas fontes", disse Piñera em entrevista coletiva.

Piñera afirmou que o terremoto de magnitude 8,8 que sacudiu o Chile há duas semanas deixou mais de 500 mortos identificados e danos patrimoniais estimados de maneira preliminar em US$ 30 bilhões.

Pelo menos seis novos tremores foram sentidos nas primeiras horas de hoje na região do Chile, onde na quinta-feira foram registradas 17 réplicas do terremoto de 27 de fevereiro, informaram as autoridades e os serviços sismológicos.

De acordo com o Escritório Nacional de Emergência (Onemi), os abalos sísmicos, registrados desde as 2h45 de hoje (mesma hora de Brasília), não causaram vítimas nem danos aparentes.

Os epicentros dos tremores desta madrugada foram localizados sob o mar, a oeste da localidade de Pichilemu, cerca de 180 quilômetros a sudoeste de Santiago.

De acordo com Serviço de Geologia dos Estados Unidos, a intensidade dos abalos variou de 4,5 a 5 graus na escala Richter.

Os mais fortes foram sentidos em localidades das regiões de Santiago, O'Higgins, Maule e Bío-Bío, segundo dados da Onemi. Já o mais recente deles aconteceu às 6h02 e sua magnitude foi de 4,8 graus na escala Richter.

* Com agências internacionais

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,45
    3,141
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,39
    64.684,18
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host