UOL Notícias
 

31/08/2009 - 07h30

Festa do Peão teve competição também entre sertanejos e fashionistas

Rodrigo Bertolotto
Enviado especial do UOL Notícias
Em Barretos (SP)
Para o caipira, a moda mesmo era só de viola. Mas, como o universo fashion invade qualquer canto e o interior paulista decalcou o mundo country norte-americano, o estilo de vestir virou assunto obrigatório na indústria sertaneja de entretenimento e na sua maior manifestação, a Festa do Peão de Barretos, que se encerrou neste domingo na cidade a 424 km a Noroeste de São Paulo.

Houve duas trincheiras nessa guerra de estilos da festa, mas nada que faça lembrar o visual do jeca, chapéu de palha e cigarro também de palha.
  • Flávio Florido/UOL

    A cultura do conforto predominou entre os cerca de 800 mil visitantes da Festa de Barretos


Ou o freqüentador é country, com camisa xadrez, cintos com fivelões e botas de bico fino. Ou é um fashionista, que adota as grifes urbanas e internacionais, permitindo no máximo o chapéu de caubói, se muito. A bota é trocada pelo tênis, que eventualmente tem algum elemento country.

A cultura do conforto e o público diversificado entre os cerca de 800 mil visitantes predominou durante os 11 dias do evento. "A pior coisa que existe é bota com bico fino. Não dá para zanzar na festa. Dói demais", afirma Márcia Ribeiro, 27, de Ribeirão Preto.

Parte dessa mudança se deve aos próprios astros sertanejos, como Daniel, Zezé Di Camargo & Luciano e Chitãozinho & Xororó, que há tempos deixaram de lado as roupas de franja para aderir aos ternos impecáveis de marcas como Versace ou Armani, além dos cortes de cabelo modernos. Deixaram as "traias" de peão e adotaram uma estampa em que mais parecem homens de negócio (Confira depoimento deles no vídeo abaixo).

Duplas falam sobre a moda country

No início dos anos 90, as duplas sertanejas seguiam a moda country norte-americana, mas, na última década, depois de lançarem suas grifes, os sertanejos foram abandonando o figurino chapeludo que marcou o início das carreiras, com cabelos espetados e compridos, cinturões e casaco de franja. Isso aconteceu ao mesmo tempo que suas músicas e letras perderam as referências interioranas e se transformaram em um pop melódico.

Luciano, o irmão de Zezé, é o mais fashion dos sertanejos. Durante anos, ele usou roupas de uma estilista exclusiva e afirma que nunca vestiu uma jaqueta de franja. "Tonico e Tinoco faziam sucesso no rádio, não havia contato visual. Mas com a televisão temos que nos preocupar com o visual."

O ápice disso foi há dois anos: aconteceu por lá uma mini São Paulo Fashion Week, com estilistas famosos como Ricardo Almeida e Alexandre Herchcovitch apresentando peças de couro, material sob medida para o ambiente bovino dos rodeios.

Típico do campo norte-americano, o jeans é a única unanimidade nesse universo, mas a calça tem que ser justa para os cowboys e as cowgirls - adornando a cintura com as imensas fivelas que os vaqueiros tanto gostam. Na parte comercial do Parque do Peão, as fivelas dos cintos eram vendidas em separado, com diversos desenhos e com detalhes em ouro e prata. O preço ia de R$ 50 a R$ 400.

As lojas disponibilizavam todo o kit caubói, até bijuterias com imagens de cavalos. As botas da moda são mais as que possuem a ponta arredondada - o par feito em couro de avestruz era comercializado por até R$ 800. Já os chapéus eram divididos em dois grupos: de pelo (mais indicado para a noite) e de palha (recomendável para o dia).

E dentro desse universo, há combinações que podem e as que não podem, permitindo nuances entre os sertanejos e os moderninhos. Por exemplo: camisa xadrez e boné deixam o sujeito no estilo "country esportivo". Já usar chapéu e tênis é proibido. Dentro esse mesmo código, também é errado usar o chapéu ao contrário: a fivela da banda sempre deve estar do lado esquerdo.

Claro, tudo isso pode mudar no ano que vem ou no próximo. Afinal, estamos falando de moda.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    10h49

    -0,71
    4,019
    Outras moedas
  • Bovespa

    10h58

    -0,14
    94.349,46
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host