UOL Notícias
 
22/08/2010 - 04h05

Mariah Carey canta grandes sucessos e reúne tribos em Barretos (SP)

Fabiana Uchinaka
Enviada especial do UOL Notícias
Em Barretos (SP)
  • A cantora Mariah Carey em apresentação em Barretos

    A cantora Mariah Carey em apresentação em Barretos

O show, programado para começar à meia noite deste domingo (22), atrasou 1h30. O público, de aproximadamente 40 mil pessoas, já vaiava quando Mariah Carey subiu no palco da Festa do Peão de Barretos (SP) e começou a cantar o hit “Shake It Off”.

Depois da primeira música, a cantora norte-americana conversou com os fãs e desculpou-se pelo atraso, disse que estava no Twitter e perdeu a noção do tempo. Como forma de se desculpar, ela apareceu vestida de princesa: “Porque é assim que vocês fazem eu me sentir”, explicou.

Acompanhada de seis dançarinos, três backing vocals e sua banda, Mariah cantou as clássicas “Always Be My Baby”, “I’ll Be There” e “Heartbreaker”, a aguardadíssima “Hero” e levou a plateia ao delírio com seus agudos espetaculares.

“I’ll Be There e Hero marcaram minha vida”, comentou o assistente Anderson Faria, 20, que mora em Guaianases, na zona leste de São Paulo, e ganhou dispensa no trabalho para vir a Barretos.

Ele explicou que não gosta de sertanejo, "mas também não tenho nada contra". "É engraçado estar aqui. Se tivesse que escolher, preferiria o R&B ou até mesmo o samba e o pagode. Mas, já que estou aqui, acho que vou curtir um pouco a Festa do Peão depois do show”, contou.

Durante o show, ele exibia orgulhoso uma camiseta cheia de lantejoulas, onde se lia “Mariah, I cry for you”. “Quero chamar a atenção dela, brilhar para ela me ver, por isso pedi para um amigo meu fazer essa camiseta para mim”, disse.

Em dado momento da apresentação, um garoto vestido de preto, usando um tênis cano alto branco com detalhes fosforescentes e uma enorme franja grudada na testa era visto ao lado de um jovem de camisa xadrez, calça jeans, cinto, bota e chapéu. Além de Mariah, a arena do rodeio de Barretos viu o encontro inusitado de tribos.

Um encontro, aparentemente, pacífico. "Eu estou adorando Barretos. Foi muito legal fazerem o show aqui", afirmou o laboratorialista Sérgio Lage, 21, que, devidamente trajado com uma camiseta purpurinada da cantora, enfrentou uma viagem de oito horas entre o Guarujá, no litoral paulista, e a terra do rodeio.

O amigo dele, Tiago Diniz, 23, também parecia empolgado com o mundo sertanejo. "Eu tinha dois sonhos: conhecer Barretos e ver um show da Mariah, então estou realizando dois sonhos. Para melhorar, só falta ter mais peões andando por ai", disse.

Os sertanejos também gostaram da mistura eclética. “Eu acho diferente, bem diferente”, enfatizou o químico Julio Cesar Meneghetti, 24, que é de Barretos e nunca tinha visto um público tão diverso na festa, da qual ele participa todos os anos. "Mas é legal ter esses shows também", completou.

“Tem lugar para todo mundo, o coração é grande”, afirmou a professora Tatiane Santana, 25, moradora da cidade e fã de Victor & Leo e Luan Santana.

Mas nem todos receberam bem os novos convidados. “Fazer o que, né?”, reclamou a secretária Andrea Oliveira, 36, que também é da região e não parecia muito feliz com a invasão de jovens apaixonados por Mariah.

Quem não quis ver o show ou não quis pagar os R$ 200 da entrada, ficou passeando pelo parque, que estava cheio.

“Desisti de ver a Mariah”, contou a vendedora Raquel Lima, 23. “Essa mulher chega aqui na nossa cidade e fica fazendo tanta exigência, sendo tão fresca, que desanimei”.

“Eles tinham que trazer a Shania [Twain, a musa do country norte-americano], não a Mariah, que fica atrapalhando até a vida dos competidores com tanta medida de segurança. Ela pensa que está no país dela?”, desabafou a estudante Cecília Leite Martins, 18, que veio de Potirendaba, no interior paulista, com o namorado, que é competidor do rodeio.

Constavam da lista de exigências feitas por Mariah: decoração sóbria e móveis confortáveis no camarim, água importada Fiji, suco de cranberry, alimentos frescos e orgânicos, asinhas de frango, pasta de amendoim, cookies, muffins, brownies e pipoca de micro-ondas. Também foi montado um megaesquema de segurança em torno da cantora.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,79
    3,152
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h22

    1,18
    65.148,35
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host