Publicidade



:
China e Japão, cruzando a fronteira
Entrosada, defesa do Brasil não pode falhar contra o Paraguai, diz Parreira
Lucro da Eletrobrás cai 71% e fica em R$ 323 milhões em 2003
MSN reformula portal para brigar com Google e Yahoo!
'Scooby-Doo 2' lidera bilheterias dos EUA no fim de semana
Índia de Roraima vai à OEA contra governo brasileiro

Envie esta
notícia por email
Índice

Hugo Chávez chama Condoleezza Rice de "analfabeta"
19h08 - 10/01/2004


Caracas, 10 jan (EFE).- O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, chamou hoje, sábado, de "analfabeta" a assessora de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Condoleezza Rice, e falou sobre a possibilidade de enviar-lhe um método de aprendizagem feito em Cuba "para que ela aprenda a ler um pouco".

"Ontem, uma verdadeira analfabeta, a conselheira de Segurança, soltou sua artilharia indigna contra a Venezuela. Vou dizer a Fidel (Castro) que lhe envie um método de alfabetização, para que aprenda a ler um pouco, e também a respeitar", disse Chávez em ato realizado em Caracas.

O presidente acrescentou que Rice não deve se intrometer nem se preocupar com os assuntos internos da Venezuela, assim como "nós não nos metemos em seus problemas".

Chávez disse que se Rice acredita na democracia deve ter se preocupado com a eleição em que George W. Bush chegou à Casa Branca, "que ficou como um processo duvidoso".

"Mas não nos diz respeito se Bush é um presidente legítimo ou não, porque este é um problema do povo dos Estados Unidos", acrescentou o governante venezuelano.

Chávez falou sobre a possibilidade de levar "uma tela gigante" à cúpula das Américas, que será realizada na cidade mexicana de Monterrey nos dias 12 e 13 de janeiro, "para que todo o mundo veja como essa senhora, que diz defender a democracia, aplaudiu o golpe de Estado de abril de 2002 contra um governo legítimo e democrático".

O presidente venezuelano disse que não acredita que Rice queira sujeitar sua condição de democrata à realização de um referendo contra ele, pois a única instituição soberana que pode convocar essa consulta é o Conselho Nacional Eleitoral.

Mas acrescentou que de qualquer forma não está nem um pouco preocupado com a opinião de Rice.

Além disso, Chávez advertiu ao Governo dos Estados Unidos que se seus funcionários continuarem atacando a Venezuela, receberão as respostas oportunas, "porque não somos covardes e temos coragem e dignidade".

Índice
LEIA SÓ
NOTÍCIAS DE:
Folha Online
UOL News
UOL Esporte
UOL Economia
UOL Tablóide
Mundo Digital
Veja Online
Vestibuol
UOL Diversão e Arte
UOL Música
Exame
BBC
The New York Times
Cox News Service
El País
Financial Times
Le Monde
Hearst Newspapers
The Boston Globe
TNYT News Service
USA Today
Consultor Jurídico
AFP Internacionais
AFP Negócios
AFP Esporte
AFP Diversão
Reuters Geral
Reuters Negócios
Reuters Esporte
Reuters Diversão
Lusa
UOL Rádios e TVs
UOL Corpo e Saúde
Notícias sobre o UOL
"© Agencia Efe". Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agencia Efe.