Publicidade



:
China e Japão, cruzando a fronteira
Entrosada, defesa do Brasil não pode falhar contra o Paraguai, diz Parreira
Lucro da Eletrobrás cai 71% e fica em R$ 323 milhões em 2003
MSN reformula portal para brigar com Google e Yahoo!
'Scooby-Doo 2' lidera bilheterias dos EUA no fim de semana
Índia de Roraima vai à OEA contra governo brasileiro

Envie esta
notícia por email
Índice

Walter Mercado desmente casamento com apresentadora brasileira
14h58 - 13/01/2004


San Juan, 13 jan (EFE).- O astrólogo porto-riquenho Walter Mercado afirmou ontem, terça-feira, que não tem planos de se casar com a apresentadora brasileira Mariette Detotto nem com ninguém.

Mercado disse ao jornalista Leo Fernández III, no programa de televisão "Super X-Clusivo", que "chegou o momento de dizer a verdade e nada mais que a verdade".

"O que há é uma amizade da alma. Nós nos gostamos, nos respeitamos, nos admiramos. De fato, Mariette veio do Brasil especialmente para esta entrevista para que juntos digamos a verdade," reiterou.

"Nós estamos juntos há muitas vidas. Mas há muita gente com lixo na cabeça, que só vê lixo diante de seus olhos", disse o astrólogo na entrevista, reproduzida hoje pelo jornal "El vocero".

Ao lhe perguntarem se pensava em se casar com a apresentadora brasileira, Mercado disse que não, "isso de casamento com aliança, de forma convencional, não". "Esta é uma relação que as pessoas comuns talvez não possam entender. É uma amizade com A maiúsculo, que vai além de muitas coisas", acrescentou.

"Entre mim e ela há uma comunhão, de alma com alma. Não há noivado, não há casamento. Tudo foi especulação, e as víboras que têm de soltar veneno logicamente o fizeram." Em resposta à pergunta sobre se mantinham ou não relações sexuais, Mercado respondeu "sim, como 'E.T.' Juntamos nossos dedinhos. As pessoas gostam de se expressar no escuro, em vez de na amizade".

O astrólogo negou ainda que tenha uma imagem feminina: "Tenho esta imagem com a qual me iniciei, inspirada em um príncipe da Índia, onde se pintam, usam saias; uma imagem que eu não chamo de feminina, mas andrógena, porque não se pode definir".

"Muitos homens, que se autoproclamam 'homens', gostariam de ter a sensibilidade e a força interior que eu tenho! Porque, por fora, posso brilhar suave e doce, mas tenho um poder interior que duvido que outro na Terra tenha", defendeu-se Mercado.

Mariette Detotto, por sua vez, definiu sua relação com o astrólogo como uma amizade limpa. "Nós vivemos fazendo muitas coisas boas como ajudar um orfanato no Brasil, uma instituição que ajuda crianças com Aids e câncer no México, ajudamos idosos desamparados, mulheres maltratadas e animais abandonados. Somos dois seres humanos levando uma mesma mensagem", contou.

Também destacou que "todo homem tem um lado feminino, e o que não a tem não serve para estar com uma mulher. Da mesma forma que uma mulher tem um lado masculino".

Índice
LEIA SÓ
NOTÍCIAS DE:
Folha Online
UOL News
UOL Esporte
UOL Economia
UOL Tablóide
Mundo Digital
Veja Online
Vestibuol
UOL Diversão e Arte
UOL Música
Exame
BBC
The New York Times
Cox News Service
El País
Financial Times
Le Monde
Hearst Newspapers
The Boston Globe
TNYT News Service
USA Today
Consultor Jurídico
AFP Internacionais
AFP Negócios
AFP Esporte
AFP Diversão
Reuters Geral
Reuters Negócios
Reuters Esporte
Reuters Diversão
Lusa
UOL Rádios e TVs
UOL Corpo e Saúde
Notícias sobre o UOL
"© Agencia Efe". Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da Agencia Efe.