Chávez chama García de "ladrão" e diz que corta relações com Peru se ele vencer

CARACAS (ANSA) - O presidente venezuelano, Hugo Chávez, se voltou contra o candidato presidencial peruano Alan García, a quem chamou de "ladrão". Chávez ameaçou ainda romper relações com Lima caso García vença as eleições no segundo turno.

"Deus livre nosso país-irmão Peru de um ladrão, de um corrupto como esse (...) Se Alan García vencer as eleições, nós retiraremos nosso embaixador de Lima, porque não manteremos relações com esse ladrão", disse o presidente venezuelano durante um pronunciamento oficial transmitido em rede nacional.

Hugo Chávez respondeu dessa forma às declarações de García contra ele há alguns dias, por ter anunciado a saída da Comunidade Andina de Nações.

Chávez pediu ao candidato nacionalista Ollanta Humala "que vença as eleições e salve o Peru".

O presidente venezuelano comparou García com o duas vezes presidente social-democrata venezuelano Carlos Andrés Pérez, que deixou o poder acusado por corrupção.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos