Sarkozy e Lula querem unir discursos para reunião do G-20

Juliana Castro Do UOL Notícias No Rio de Janeiro

Em declaração à imprensa durante a segunda reunião da cúpula Brasil-União Européia, nessa segunda-feira, 22, o presidente da França Nicolas Sarkozy disse que ele e o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, "querem chegar a Londres [na reunião do G-20 em abril] com uma visão comum".

Parceria entre Brasil e França já nasceu madura, diz Lula



Entre os temas de consenso entre os dois paises estão: revisão do papel do Fundo Monetário Internacional, FMI, e o pedido de diminuição do protecionismo. "Acreditamos na liberdade de comercio", afirmou Sarkozy durante evento no Rio de Janeiro.

Os dois outros pontos em comum são a busca por um sistema monetário mais equilibrado e o conceito de que nenhuma instituição financeira deve funcionar sem fiscalização.

O chefe de estado francês terminou o discurso elogiando a iniciativa do Brasil de tentar diminuir o desmatamento, principalmente da Amazônia. "Como é importante para o mundo ver o Brasil se engajando em mais um projeto contra o desmatamento", declarou Sarkozy.

O presidente lembrou que há 15 dias o governo lançou um Plano Nacional sobre Mudanças Climáticas, no qual se comprometeu reduzir o desmatamento em 71% até 2017. A meta para 2020 será de 80%.

Desmatamento



"É mais do que todos os países ricos juntos se comprometeram em Kioto", disse Lula.

Plano de Ação

Na declaração a imprensa, Lula e Sarkozy falaram sobre a adoção de um plano de ação entre os dois países, que segundo o presidente brasileiro "constituirá o principal marco do diálogo e da cooperação entre Brasil e França".

"Vamos examinar de que forma podemos contribuir para governança global em temas cruciais como o desarmamento, desenvolvimento sustentável, mudança do clima e política energética. Decidimos dar prioridade a setores de ponta, como biotecnologia e nanotecnologia", adiantou o presidente.

O documento prevê o fortalecimento econômico e comercial e contempla áreas como educação, defesa, energia nuclear e migração.

De acordo com Lula o intercâmbio comercial entre Brasil e a União Européia cresceu 26% superando 77 bilhões de dólares, o que equivale a 22% do comércio global do Brasil.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos