Presidente da Câmara dos Comuns britânica renuncia

Do UOL Notícias*
Em São Paulo

  • AP

    Michael Martin renuncia à presidência da Câmara dos Comuns (Câmara Baixa britânica)

O presidente da Câmara dos Comuns (Câmara Baixa britânica), Michael Martin, apresentou hoje (19) sua renúncia, após as pressões recebidas devido ao escândalo do abuso de dinheiro público por parte dos deputados, que desprestigiou a classe política do país

"Para que a unidade seja mantida, decidi renunciar ao posto de speaker (presidente) no domingo 21 de junho", afirmou Martin, que ocupa a função há nove anos.

A eleição do sucessor deve acontecer no dia 22 de junho.

A renúncia é a primeira de um presidente da Câmara dos Comuns desde 1695, quando Sir John Trevor se viu obrigado a abandonar o cargo por ter aceitado dinheiro em troca do apoio à aprovação de uma lei.

Como presidente dos Comuns, Martin, um ex-dirigente sindicalista de 63 anos e atualmente deputado trabalhista por Glasgow (Escócia), deve dirigir os debates na Câmara, mas também é responsável pelo serviço que controla os gastos dos deputados.

Muitos deputados, assim como a imprensa, criticam duramente Martin pelo fato de ter ignorado os pedidos de reforma de um sistema que permitia abusos.

Em uma sessão agitada na segunda-feira, Martin declarou lamentar profundamente o escândalo provocado pelas faturas abusivas de gastos apresentadas por deputados de todo o espectro político britânico.

Com as agências internacionais AFP e EFE; atualizada às 11h40

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos