Casal separado por doença é levado para o mesmo hospital para morrer de mãos dadas

Do UOL Notícias*

Em São Paulo

Um casal de idosos separados devido a doença foi transferido para o mesmo hospital no Reino Unido para poder ficar de mãos dadas nos últimos instantes de vida.

  • Reprodução

    Casal está de mãos dadas em foto no Daily Mail

Ted e Mary Williams se apaixonaram há 75 anos e se casaram em 1941. Nos últimos meses, eles ficaram doentes. Mary, aos 87 anos, foi levada ao Southmead Hospital, em Bristol, com pneumonia. Ted foi internado no Frenchay Hospital, na mesma cidade, com problemas de coração.

Durante sua internação, Mary escreveu uma carta apaixonada ao marido pedindo para que ele fosse vê-la. Emocionada com o pedido, a equipe do hospital Frenchay decidiu levá-lo para próximo do leito de Mary.

Ted chegou em 10 de março e ficou no leito ao lado de Mary e segurou suas mãos. Três horas depois, ela faleceu. Com a sua morte, Ted rapidamente perdeu suas forças e morreu três dias depois de parada cardíaca, segundo o jornal britânico Daily Mail.

Segundo o filho do casal, Tony, os pais sabiam que ela estava à beira da morte e Ted queria segurar as mãos de Mary em suas últimas horas de vida. "Minha hora chegou e quero estar com sua mãe", o pai disse a Tony.

O casal se conheceu na igreja. Na época, Mary tinha 13 anos e Ted, 15. Apesar da idade, Mary decidiu que queria estar ao lado de Ted para sempre. Ele era católico e ela decidiu se converter para poder se casar. O funeral do casal acontece nesta quinta-feira (25), em Bristol.

* Com informações do Daily Mail

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos