Padre da ex-diocese do papa é alvo de novas acusações de abuso de menores na Alemanha

Do UOL Notícias

Em São Paulo

A promotoria de Munique, na Alemanha, investiga novas acusações de abuso sexual de menores por parte do padre Peter Hullermann, que já é acusado pelo abuso de um menor em 1980. O padre foi suspenso de suas atividades na Alemanha no último dia 15, mais de 30 anos depois da Igreja Católica tomar conhecimento das primeiras acusações de abuso com crianças envolvendo o religioso.

Bento 16 aceita renúncia de bispo irlandês envolvido em casos de pedofilia

  • O bispo irlandês John Magee, que teve a renúcia aceita pelo Papa Bento 16, implorou nesta quarta-feira o perdão de todas as pessoas que foram vítimas de abusos sexuais por parte de membros do clero da diocese de Cloyne (sul da Irlanda).

O caso ganhou repercussão porque o atual papa, Joseph Ratzinger, era bispo na arquidiocese de Munique e Freising em 1980, quando a comunidade recebeu a transferência de Hullermann, então acusado de ter abusado de garotos em Essen, segundo informações do jornal The New York Times.

A última acusação, divulgada pela arquidiocese de Munique nesta quarta-feira, foram feitas bom base em provas apresentadas por integrantes da Igreja Católica no norte da Alemanha. Eles acusam Hullermann de pelo menos mais dois casos de abuso sexual, cometidos em 1970. O abuso sexual mais recente do qual o sacerdote é acusado teria ocorrido em 1998.

Registros escolares mostram que em 1984 o padre lecionava religião seis horas por semana em uma escola pública – menos de cinco anos depois de ter sido transferido por ter forçado um garoto de 11 anos a praticar sexo oral, segundo o NYT.

Em 1986, Hullermann foi condenado por uma corte na cidade de Ebersberg por pedofilia. Na última sexta-feira, a igreja admitiu que o padre continuou a trabalhar com crianças mesmo depois das denúncias. Não está claro o grau de envolvimento de Ratzinger com o caso no seu período como bispo.
 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos