PUBLICIDADE
Topo

Internacional

OMS vai avaliar riscos à saúde em regiões afetadas por nuvem de cinzas de vulcão

Carolina Pimentel<br>Da Agência Brasil

Em Brasília

16/04/2010 16h31

A Organização Mundial de Saúde (OMS) informou hoje (16) que vai avaliar os riscos à saúde nas regiões afetadas pela nuvem de cinzas expelida pelo vulcão de uma geleira na Islândia.

De acordo com a organização, enquanto as cinzas estiverem longe da superfície, não há efeitos à saúde da população. Asmáticos e pessoas com enfisema e bronquite são as mais suscetíveis a algum tipo de problema devido às cinzas e nos dias de maior poluição no ar.

"Se as pessoas perceberem irritação na garganta, nos pulmões, no nariz e nos olhos devem buscar locais fechados e evitar atividades ao ar livre”, aconselhou a diretora de Saúde Pública da OMS, Maria Neira.

Essa a primeira erupção do vulcão Eyjafjallajokull, um dos maiores da Islândia, com 1.660 metros de altura, em 200 anos. A última ocorreu de 1821 a 1823, de acordo com informações da agência BBC Brasil.

A atual erupção provocou uma enchente em decorrência do derretimento da geleira. Mais da metade dos voos na Europa foi suspensa por causa da nuvem vulcânica.

Internacional