Cuba tenta furar bloqueio econômico ao se aproximar da UE com ajuda da Espanha

Renata Giraldi
Da Agência Brasil

Em Brasília

Sob embargo econômico, imposto pelos Estados Unidos desde 1962, Cuba busca fugir das restrições ao restabelecer relações com o restante da comunidade internacional. O foco agora é a União Europeia. Ontem (6) os ministros dos Negócios Estrangeiros da Espanha, Miguel Angel Moratinos, e o de Cuba, Bruno Rodriguez Parrilla, iniciaram uma série de negociações. As informações são do jornal oficial cubano, Granma.

O cubano resumiu os esforços diários feitos no país nos últimos 38 anos sob o regime de restrições. “É um trabalho árduo realizado pelo povo cubano para ter sucesso no meio da vida econômica, comercial e financeira sob os efeitos das alterações climáticas e os efeitos da crise econômica Cuba é mundial, bem como em outros países”, disse Parrilla.

Parilla criticou a adesão de alguns governos ao bloqueio econômico norte-americano a Cuba. “A posição comum representa um obstáculo intransponível para o avanço das relações com a União Europeia, porque fornece uma política injusta, unilateral e intervencionista”, disse o cubano. Em seguida, ele elogiou a Espanha: “Há esforços da Presidência espanhola, da União Europeia para conseguir um melhor relacionamento entre a União e o nosso país”.

Moratinos, por sua vez, manifestou a satisfação por estar de volta a Cuba. Ele ressaltou a importância das relações bilaterais. “[As relações] estão no caminho certo e são reforçadas de forma mais intensa, de esperança e cooperação por meio do respeito e diálogo”, afirmou.

Para o espanhol, é necessário fugir das posições comuns e assumir a defesa de uma relação estruturada. “Chegou a hora, como sempre defendeu o governo espanhol, de superar a posição comum: trabalhar para uma relação mais estruturada bilateral, muito mais forte, no interesse de ambas as partes por intermédio do respeito e do progresso. É necessário dirigir o futuro entre a Europa e Cuba de uma forma positiva”, disse ele.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos