Mulher que jogou gata em lixeira diz que "foi só uma brincadeira"

Do UOL Notícias*

Em São Paulo

 

A britânica Mary Bale, flagrada por uma câmera de vídeo no momento em que jogava uma gata dentro de uma lixeira de plástico, afirmou nesta quarta-feira (25) não entender toda a repercussão que o caso ganhou, e se defendeu dizendo que “foi só uma brincadeira”.

Britânica joga gata no lixo; assista

A gravação de 20 segundos mostra uma mulher de cabelos brancos parando em uma rua de Convetry, centro da Inglaterra, para acariciar uma gata com menos de um ano de idade.

Ela olha para a lata de lixo, observa há alguém por perto, abre a tampa da lixeira, agarra o animal e o joga para dentro, deixando o local rapidamente.

Lola, a gata, ficou presa na lixeira de plástico por 15 horas. Seus proprietários Darryl e Stephanie Mann descobriram o que havia acontecido com ela depois de assistir ao registro da câmera de vídeo instalada em frente à casa – e divulgaram a gravação na internet para encontrar a responsável pela agressão.

O vídeo percorreu a web e despertou reações raivosas contra Mary Bale nas redes sociais. Alguns grupos que chegaram a pediam sua morte acabaram apagados do Facebook, segundo a imprensa britânica.

Procurada pelo tabloide britânico “The Sun”, a bancária respondeu com uma gargalhada. “Eu realmente não entendo por que todo mundo está tão empolgado com isso – é só uma gata”.

“Eu estava andando do trabalho para casa e vi esta gata caminhando por ali. Estava brincando com ela, acariciando e ouvindo ela ronronar no muro do jardim. Ela era muito amigável”, relata.

 

“Eu não sei o que me deu, mas de repente eu pensei que seria engraçado jogá-la na lixeira, que estava ali do lado”, acrescenta. “Fiz isso como uma brincadeira, porque eu pensei que ia ser engraçado. Eu nunca achei que ela ficaria presa, pensei que iria sair dali”.

Bale disse que é “inacreditável” que o vídeo tenha sido assistido no mundo todo. “As pessoas estão vendo coisas demais aí. Não gosto nem desgosto dos gatos. Eu pessoalmente não tenho animais de estimação, mas não tenho problemas com aqueles que têm”.

“Ok, não deveria ter feito isso – mas, no final das contas, é só um gato. Não acho que mereço ser odiada por pessoas do mundo todo, foi só um momento de loucura”, afirmou.

O caso será investigado pela Sociedade Real Britânica de Proteção aos Animais (RSPCA).

*Com informações do "The Sun"

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos